[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Qui 04 Out 2012, 21:38



Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Assim que saí da Academia eu já me sentia preparado para começar minha carreira de Gladiador, mas antes de ir para Arena eu tinha que treinar meu Totodile. Resolvi caminhar pelas ruas de Nyender, alguns treinadores falavam que era o melhor lugar para treinar um inicial. Comecei a procurar um Pokémon para batalhar olhava cada viela e rua estranha atrás de algum oponente para o novo Pokémon.

“ Um Totodile, meu pai não iria gostar da minha escolha e sempre me falar das suas aventuras com seu Meowth, a carreia de gladiador também não iria agrada-lo, mas eu sei que um dia darei motivos para ele se orgulhar de mim”
( Pensei enquanto procurava algo interessante pelas ruas )

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Alice em Sab 06 Out 2012, 23:28

O jovem Gladiador sentia a confiança em sua nova carreira e em seu pokémon. Ele sabia que suas escolhas não seriam bem vistas por seu pai, mas ele daria um jeito de orgulhar sua família. Os moradores desviavam do garoto. O sangue ainda escorria da tatuagem recém feita e manchava a camisa, dando ao jovem uma aparência que assustava aos outros moradores de Nyender City.

Ed se afastou do centro da cidade, procurando por algum desafio. Ele desejava treinar seu Totodile antes de enfrentar as arenas, mas precisava ser cuidadoso, afinal nos becos também haviam Gladiadores, alguns iniciantes, outros poderosos demais para alguém que recém começou.

Os cadetes não tiravam os olhos do mais novo gladiador, causando uma pressão psicológica no mesmo, como se fosse um fora da lei e não alguém que se preocupou em prestar as provas e retirar uma licença para ter um pokémon. A caminhada do jovem o levou até a frente do Mercado de Holly, porém ainda não encontrou nenhum pokémon selvagem para enfrentar. A placa de boas vindas e as vitrines com produtos pokémons convidavam a entrar no local.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Sab 06 Out 2012, 23:59

Cruzei toda a cidade e vim parar de frente ao mercado da Holly Merchant, a vitrine da loja estava recheada de artigos para pokémons tinha potions, PokéBalls, Antidotes etc, fiquei tentado para dá uma olhada por dentro, mas olhei minha mochila para ver quanto dinheiro tinha e percebi que não tinha o suficiente para realizar uma boa compra, Resolvi partir em direção aos becos da cidade, disseram-me que essa cidade era cheia de gatos não é possível que eu não encontre um perto de uma lata de lixo para um confronto corpo a corpo.

• Peguei a PokéBall do Totodile e o convidei para fazer uma pequena ronda nos becos da cidade.

“Creio que os cadetes cessaram os olhares ao verem que tenho um Totodile, prova que eu tenho licença para ser um Gladiador. ”
( pensei enquanto ia em direção aos becos da cidade com totodile ao meu lado)

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Alice em Dom 07 Out 2012, 15:33

Diferentemente do que o jovem Gladiador acreditava, após ver Totodile, os Cadetes dobraram sua atenção sobre os dois. A cidade aparentava não confiar nos Gladiadores e os perseguia de maneira incessante. Entretanto, Ed estava mais preocupado em achar um desafio do que se preocupar com os cadetes. Sendo assim, seguiu sua jornada em busca de algum felino com quem batalhar.

Sua jornada parecia infrutífera, já que o dia começava a se transformar em noite e nenhum gato ainda aparecera. Onde eles poderiam estar dormindo? Beco após beco, ruela após ruela, e nada. As vezes um Murkrow passava voando alto no céu, longe demais para ser desafiado. A caminhada longa levou o garoto até próximo ao Kazumi Hotel sem que obtivesse sucesso em sua empreitada. Totodile olhava para seu treinador, perguntando sobre o que fariam e reclamando do cansaço. Porém, antes que fossem embora, um som na ruela ao lado do grande e luxuoso Kazumi Hotel chamou a atenção de Ed e seu Pokémon. Seria seguro verificar o que provocou esse barulho? Certamente não. Mas Ed era um Gladiador, e Gladiadores não tinham medo. Não era isso que diziam em todas as rodas sociais quando o assunto era Gladiadores?

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Dom 07 Out 2012, 18:04

Ouvi o Barulho vindo de uma ruela ao lado do Kazumi Hotel, lugar conhecido por ser frequentado por gangsters, a aparição de um gladiador novato por lá não seria nada bom, pra mim é claro, acho melhor eu ir em direção do Restaurante Kiga, com todo aquele desperdício de comida no lixo talvez tenha atraído algum Pokémon pelas redondezas.

• Chamei Totodile de volta para sua pokébola e ignorei o som vindo da ruela.


Eu não era um Gladiador comum que procurava o caminho das arenas para fazer batalhas pelo simples prazer de lutar, ver sangue e obter poder, comecei essa jornada em busca de recuperar a honra da minha família, lutar por melhores condições de vida para o meu povo arrasado pela grande guerra e dá ao meu povo um sonho, se eu me tornar um Gladiador famoso poderei influencia uma geração e inflamar o sentimento de poder, fazer eles acreditarem que também podem mudar a situação.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Alice em Qua 10 Out 2012, 12:47

O jovem gladiador recolheu seu Totodile e voltou-se a caminho do restaurante Kiga. Caminhava calmamente, subindo quadras, virando esquinas. Uma caminhada relativamente longa. Aparentemente o glamour do Hotel Kazumi não combinava com a simplicidade do Restaurante Kiga. Após algumas horas de caminha e com o sol já alaranjado, indicando que em poucas horas a lua reinaria, Ed chegou ao Restaurante Kiga. Entretanto, antes que adentrasse o beco, foi surpreendido por um Meowth. O gato lhe seguia desde o Hotel Kazumi, desconfiado com o sangue em sua roupa. Se havia um Meowth, havia um Cadete por perto. Por que será que o seguiram? A cidade tinha tanta aversão assim a Gladiadores?

Enquanto o garoto observava o Meowth com tantas perguntas em mente, uma figura feminina, alta, de cabelos e olhos pretos surgia às suas costas. A falta da vestimenta dos cadetes não impedia que a reconhecem onde quer que andasse. Era Medusa, a Cadete das Ruas.


off: como Medusa é outro player, a partir de agora a narração será diferente. A ordem será Vasco > Medusa > Narrador > Medusa > Vasco > Narrador... As respostas terão de ser replicadas, iguais e respeitando essa ordem nas duas rotas. Uma boa luta para vocês.


Última edição por Clarisse em Qua 10 Out 2012, 13:37, editado 1 vez(es)

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Qua 10 Out 2012, 13:22

Enquanto caminhava em direção ao Restaurante Kiga um Meowth não muito amigável me seguia, no inicio pensei que fosse só um pequeno teste dos cadetes para ver minha reação e não dei muita bola, mas a caminhada começou a ficar longa e a perseguição começou a me incomodar, eu não tinha feito nada de errado tinha que questiona-lo era meu direito.

- Hei, você ai atrás, isso mesmo vocÊ!! O que quer comigo?
( disse com muita raiva, apontando meu dedo indicador em direção a esquina que o felino estava )


Fiquei esperando o Meowth tomar coragem e aparecer. Eu não era muito a favor de batalhas na cidade contra um gladiador ou um Cadete, mas aquela situação deixou-me furioso. Logo apareceu o Meowth acompanhado por uma bela mulher, alta e cabelos pretos, era tudo que dava para ver daquela distância.

" Passos confiantes e um Meowth do lado, só pode ser um Cadete. "

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Qua 10 Out 2012, 18:34

Estalei meu pescoço e estiquei meus braços. Finalmente havia encontrado a pessoa que aquela senhora havia me falado. Olhei para Hermes, ele apontava para o rapaz logo a diante. Eu havia tomado um delicioso banho, e agora estava suada, não dava para desculpar um infeliz desse:

- Você, meu nome é Medusa. Sou Cadete. Apresente-se imediatamente.

Enquanto aguardava a resposta do possível meliante, lancei minha pokébola retirando Hefesto de seu descanso. Meu pokémon alçou voo acima de mim, e parou descendo em cima de um telhado. Ali ele zelaria pelo meu bem estar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Alice em Qua 10 Out 2012, 22:38

Ed e Medusa estavam tensos. A pequena confusão gerada pela burguesa que não deu informações suficientes levou um Gladiador inocente e uma Cadete a se enfrentarem no meio das ruas de Nyender City. O som de uma batalha pokémon chegava ao ouvido da dupla. Certamente no beco mais abaixo, ao lado do Restaurante, uma batalha pokémon estava acontecendo. No momento ambos só tinham interesse em resolver aquela situação. Para Medusa, Ed era o Meliante a ser preso. Para Ed, ele era um inocente Gladiador a procura de treinamento para seu Totodile.

Ambos estavam parados em uma pequena lomba. Na esquina mais abaixo, atrás de Ed, era possível ver o Restaurante Kiga e o inicio do beco onde uma luta acontecia. Na entrada do beco um garoto comandava um dos pokémons envolvidos. Mas Medusa não via nada disso. Atrás de Medusa, na parte de cima da lomba, alguns carros passavam pela rua. O sinal fechava e vários cidadãos atravessavam a avenida. Nenhum deles se aproximava da batalha. Conheciam Medusa e não questionariam o duelo no meio do caminho, muito menos se colocariam ao alcance dos pokémons. O sol começava a se por, salientando as curvas da mulher. A cerejeira da esquina liberava algumas pétalas cor-de-rosa, tentando tornar a cena encantadora e menos perigosa, sem muito sucesso. Skarmory gritou de seu ponto de observação, sem desviar os olhos de Ed. Meowth rosnou, os pelos eriçados, querendo batalhar. Um velho hidrante separava a distância entre os dois exatamente no meio.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Qui 11 Out 2012, 18:47

O rapaz demorava a responder. Hefesto e Hermes ansiavam batalha, ficaram muito tempo em suas pokébolas. Eu olhava para os lados com o canto dos olhos e via que os pedestres evitavam ali, menos mal. A qualquer instante sentia que estouraria uma batalha e não queria que ninguém ficasse machucado por minha causa.

A tarde caia, a luz do por do sol encantava meus olhos. O brilho um pouco me incomodava, pois via com dificuldade o rosto do rapaz. Insisti para que apresenta-se:

- Vou repetir apenas mais uma vez! Sou a Cadete Medusa, e estou te intervindo! Apresente-se imediatamente, e conte-me qual transtorno estava causando! Colabore comigo e evite que eu acabe com você!

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Qui 11 Out 2012, 19:31

A tarde já estava chegando ao seu fim, e a linda Cadete pedia para eu me apresentar. Eu não sabia o motivo pelo qual estava sendo interrogado no meio da rua, mas a beleza da Cadete era tão arrebatadora que respondi todas as perguntas que ela havia feito.

- Olá, sou Ed Bryant, o mais novo Gladiador autorizado da cidade.
(disse com um tom amigável apesar da pressão imposta pela Cadete lançando outro Pokémon na rua movimentada )

. . .


- Não sei quem você está procurando, mas posso garantir que essa pessoa não sou eu. Acabei de sair da Academia de polícia e o sangue na blusa é resultado da tatuagem feita no meu peito esquerdo, a Cadete Angélica Tompson pode confirmar minha história. Estou com toda a documentação aqui, caso seja preciso te acompanho até a academia. Não sou um arruaceiro, por isso acho que você tá perdendo tempo comigo.
( fiquei parado e expliquei tudo, sabia que qualquer aproximação poderia ser vista como um desafio a autoridade )


Após terminar minha fala fiquei esperando o que a bela Cadete iria falar. Ela ficava mais linda a cada segundo, o sol ia desaparecendo e a luz da lua favorecia ainda mais os contornos do rosto e corpo da sedutora mulher.

” Que situação, espero sair dessa confusão, meu primeiro dia com um Pokémon e já estou aqui sendo interrogado no meio da rua.”
( pensei com bastante receio de ser mal interpretado )

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por ~Petrov em Ter 16 Out 2012, 00:29

Off: Olá! Assumirei a rota de vocês, divirtam-se!

O clima estava bem pesado entre a destemida cadete Medusa e o recém-licenciado gladiador Ed. O por-do-sol agora se fora, restando assim a noite e o luar. A lua cheia tratava de iluminar a região, além dos postes, das luzes dos prédios e casas e dos faróis dos carros. Hermes estava rugindo agressivamente para o gladiador e Hefesto observava de cima estático a movimentação.

Os dois se apresentavam um ao outro. Ed confiava em si pois estava com a consciência limpa, tanto é que põe até a própria deusa da Academia de Polícia Angélica Tompson como prova para se safar. Agora cabe a Medusa avaliar se as informações passadas pelo jovem eram verídicas ou não.

Os dois pareciam ignorar a batalha que acontecia ali perto, não enxergavam, mas escutavam o som de mais de um pokémon se machucando.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Ter 16 Out 2012, 02:24

”Tudo o que eu podia fazer já havia feito, era hora da bela cadete decidir o que faria. Tinha dito que estaria à disposição da Lei e assim eu faria, não era um homem de duas palavras, mas caso aquela cadete estivesse me importunando somente para se divertir as minhas custas, as coisas serão bem diferentes. Escolhi a carreira de Gladiador para honrar o meu povo e nunca iria abaixar a cabeça diante de uma pessoa que quisesse me humilhar. Medo de batalhar eu não tenho.”

( pensei enquanto esperava a cadete falar )

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Qua 17 Out 2012, 00:24

Me embrulhou o estômago ouvir o Gladiador colocar Angélica no meio da conversa, eu não era Cadete o suficiente para resolver o problema? Teria eu que correr para minha superior para resolver um caso? De forma alguma! O rapaz ganhou minha antipatia.

Para sorte, ou azar dele, eu havia ouvido gemidos. Parecia uma confusão. Eu não via nada por que a posição que estava só conseguia enxergar o neandertal rapaz. Mas ouvi sim, e não me enganava.

Pensei rapidamente, olhei para meus pokémons, eles definitivamente não gostavam do suspeito.

Então disse:

- Da próxima vez que insinuar que meus extintos não são suficientes para resolver um caso, Hefesto vai comer o seu fígado!

Olhei para Hermes e dei-lhe a orientação cabível:

- Hermes, escolte o Gladiador! Seja a sombra dele, e se ele tentar fugir, derrube-o!

Olhei para Hefesto e sua orientação também foi dada:

- Me siga Hefesto, acho que algo está acontecendo mais abaixo.

E por fim, me dirigi ao ser que queria ser humano logo na minha frente:

- Gladiador, me siga. Estou ouvindo barulhos estranhos mais abaixo, depois de averiguar, resolvo você. Se fugir, tomo você como prioridade, e acabo com sua raça, você sendo culpado ou inocente!

.... tomei caminho indo averiguar os barulhos...

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por ~Petrov em Qui 18 Out 2012, 13:05

Para infortúnio de Ed, Medusa não havia gostado nem de longe do gladiador, e ganhar a antipatia de Medusa é um erro imensurável. Ed talvez não tivesse escutado os gemidos de pokémon ali perto ou talvez estivesse ignorando, ao contrário de Medusa, que já ordenou que seus pokémon fossem junto a ela e a Ed averiguarem o ocorrido.

Num beco ao lado do Hotel Kazumi ambos se dirigiam. Ed era seguido por Hermes, que tinha se tornado realmente sua sombra, indo atrás de cada passo do gladiador. O felino andava com suas garras e presas de fora, mostrando que não hesitaria em fazer "picadinho de gladiador" se necessário fosse. Hefesto sobrevoava o beco, produzindo uma gigantesca sombra no local devido às suas asas metálicas enormes. Medusa seguia logo atrás.

Chegando no beco a dupla enxerga um Meowth coberto de sangue encostado na parede, gemendo de dor. Estirado no chão, um homem de uniforme estava também gemendo, todo encolhido. Em sua cabeça, um enorme machucado, uma pancada. Em frente aos dois havia um homem alto, pele morena, barba por fazer, de punhos cerrados e um soco inglês em cada um deles. Estava com um sorriso sarcástico na cara, e ao lado dele um Sigilyph voava, encarando os dois ao chão.

- Cadete, pense duas vezes antes de me enfrentar novamente. Seu porco! Escravo do sistema! Agora vou acabar de vez com você!

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Sab 20 Out 2012, 11:38

Aquela cena encheu meus olhos e meu corpo de raiva. Um parceiro no chão completamente machucado por um gangster. Imediatamente dei um sinal com as mãos para o alto, e Hefesto o entendendo desceu do céu com um voo rasante utilizando "Peck" no pokémon daquele mal feitor.

De pronto, olhei para trás e dei uma ordem para o Gladiador:

- Quer provar que era inocente? Saque seu pokémon e tire o cadete e aquele Meowth da zona de conflito, mas não saia da distância dos meus olhos!

Em seguida corri e me joguei em frente ao Cadete caído e aquele troglodita, dizendo:

- Sou Medusa, Cadete das Ruas. E você está sendo autuado por agressão a um Cadete, por caos, pertencer à uma Gang e portar pokémon proibido para civis! Renda-se agora, ou não vou dar oportunidade para você falar enquanto o meu pé estiver cravado no seu traseiro!

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Sab 20 Out 2012, 16:36

Ouvi as ordens da Cadete Medusa e não pensei duas vezes, saquei a Pokeball , lancei-a e disse:

- Vamos Totodile, essa é a nossa chance de provar que somos inocentes.
( disse com segurança olhando para o meu Totodile que acabava de sair da Pokeball)


Totodile parecia animado para fazer sua primeira batalha, certamente batalhar ao lado de uma cadete me ajudaria bastante, era minha primeira batalha pokemon no mundo real antes só havia imaginado como seria, mas a adrenalina que eu estava sentindo superava qualquer experiência que tive em meus sonhos.

" Essa é a hora de provar meu valor. "
(pensei enquanto totodile entrava no campo de batalha e encarava o meliante)

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por ~Petrov em Dom 21 Out 2012, 04:39

A cadete Medusa rapidamente levanta uma das mãos dando sinal para seu pokémon alado descer com Peck para cima de Sigilyph, que leva a bicada de aço do Skarmory e recua um pouco. Por estar distraído e não perceber o golpe vindo em sua direção, o pokémon não teve como se defender e levou logo um dano crítico. Logo em seguida, a cadete se lança à frente do cadete ferido e autua o homem por vários crimes, que responde na mesma moeda.

- Mais uma cadete para torrar minha paciência. Você não tem vergonha de servir a essa grande máquina estatal de controle de massas? Dane-se também, tanto faz, farei com você o mesmo que fiz a esse cadete.

Atento ao gladiador Ed que trazia ao campo seu Totodile, o gangster lança ao campo mais um pokémon para ajudá-lo em batalha. Era um pokémon felino com a pelagem negra, garras afiadas.

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 215

O gangster parte para cima da cadete Medusa, fechando uma das mãos como se estivesse preparando um soco. Sneasel tomava posição ao lado de Sigilyph, que já se recuperava do golpe de Skarmory. Uma batalha ali se iniciaria.



Let's battle!

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 561ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 215
Sigilyph (M)ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤSneasel (M)
Trait: Wonder Skinㅤㅤㅤㅤㅤ Trait: Keen Eye
Lvl 06 | HP: 72%% ㅤㅤ ㅤLvl 06 | HP: 100%
Status: --ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤStatus: --
X
[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 158ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 227
Totodile (M)ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤHefesto (M)
Trait: Torrentㅤㅤㅤㅤ ㅤ Trait: Sturdy
Lvl 05 | HP: 100% ㅤㅤ ㅤLvl 05 | HP: 100%
Status: --ㅤㅤㅤㅤㅤㅤㅤ ㅤStatus: --

Campo: Beco estreito, comprido e escuro, iluminado pelo luar e alguns postes localizados na rua do Hotel Kazumi. No chão haviam alguns restos de lixo podre, mas o cheiro não chega a incomodar. O beco fica entre o Hotel Kazumi e outro prédio da cidade, logo as paredes são altíssimas.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Dom 21 Out 2012, 14:11

- Vamos Totodile, me acompanhe essa batalha é nossa vamos batalhar juntos.

Eu sabia que não podia fazer muita coisa para ajudar meu Totodile, pois eu não tinha nenhuma habilidade que me torna-se um ser especial, mas eu tinha caragem o suficiente para ajudar Pokémon em todas as batalhas.

Corri em direção aos restos de lixo podre e chutei em direção do Sneasel e disse para o Totodile:

- Agora Totodile, ataque o Sneasel com dois Scratch!!

(disse logo após chutar os restos de lixo em direção ao Sneasel)

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Dom 21 Out 2012, 18:55

- Hefesto, vamos levar essa batalha aos céus!

Olhei para trás enquanto meu pokémon alçava voo, e vi Hermes empurrando o cadete ferido para lugar mais seguro. Era noite, e eu precisava tomar cuidado com a repercussão da batalha pela cidade.

- Voe rapidamente em zig zag, saia da frente do ataque do Sigilyph, e surpreenda-o usando "Peck" naquelas asas, vamos tirá-lo do céu!

Olhei pata Totodile e fiquei preocupada com aquele pequeno, então iria ajudá-lo enquanto Sigilyph caia dos céus:

- Use seus pés em Totodile, prenda-o, voe rapidamente e o lance contra Sneasel, fortalecendo seus Scratchs! Depois alce voo rapidamente outra vez e acerte mais um "Peck" em Sigilyph!

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por ~Petrov em Dom 21 Out 2012, 22:06

Medusa e Ed se preparavam. A "cadete das ruas", como era conhecida, ordena a Skarmory que bata as asas e suba aos céus, olhando em seguida para trás para observar Meowth puxar o cadete ferido para o começo do beco, onde poderia ficar em segurança.

A cadete pareceu ignorar que o gangster vinha na sua direção com os punhos fechados, e quando vira-se novamente para frente um soco vem em sua direção. Os instintos da cadete eram ótimos, ela consegue desviar o rosto, mas o soco pega no seu ombro, e como o homem estava utilizando um soco inglês, a força a derruba no chão, abrindo uma ferida. Ed chuta um pouco de lixo na direção de Sneasel, que com sua garra direita se protege.

- Sigilyph, voe conforme o Skarmory e espere o momento certo para um duplo Gust nesse Skarmory! Sneasel corra pelas paredes e desfira um Quick Attack no Totodile, finalizando com um Taunt. - Diz o gangster enquanto esticava o braço após o soco, em seguida encarando Ed e caminha na sua direção. - O próximo é você, infeliz!

Sneasel começa a correr, saltando de uma parede a outra até chegar em Totodile e assim desferindo um Quick Attack, que faz o pokémon crocodilo cair no chão alguns metros atrás. Skarmory e Sigilyph subiam aos céus. Skarmory começa a voar em zig-zag e Sigilyph assim o faz também. Sigilyph bate suas asas para frente causando um Gust, mas Skarmory evade e parte para cima do pokémon psíquico com seu bico brilhando para desferir um Peck, mas este também evade. A batalha dos dois pokémon alados estava tensa, ambos eram poderosos.

Skarmory desce na direção de Totodile, e esse é o momento perfeito que Sigilyph acha para causar uma ventania forte - Gust - nas costas do pokémon de aço. Este quase não sente o golpe pois é uma fortaleza alada resistente a quase tudo, prosseguindo no voo até Totodile. Skarmory alça Totodile pelas patas metálicas e lança na direção de Sneasel, o pokémon aquático põe as garras das duas patas para fora e acerta um duplo Scratch em V no corpo do pokémon felino, arrancando um pouco de sangue.

Skarmory volta a voar, agora indo em alta velocidade na direção de Sigilyph com seu bico novamente brilhando e acerta uma das asas do pokémon, o fazendo perder altitude até cair no chão. Sneasel começa a provocar seus oponentes, os chamando para batalha corpo a corpo com sua garra. Era um Taunt.


Hora da Batalha
Condições da batalha: Beco estreito, comprido e escuro, iluminado pelo luar e alguns postes localizados na rua do Hotel Kazumi. No chão haviam alguns restos de lixo podre, mas o cheiro não chega a incomodar. O beco fica entre o Hotel Kazumi e outro prédio da cidade, logo as paredes são altíssimas.
[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 561
Sigilyph - Lv.06 - Trait: Wonder Skin
58%, Status: Asa direita machucada

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 215
Sneasel - Lv.06 - Trait: Keen Eye
71%, Status: Normal

Vs.

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 158
Totodile - Lv.05 - Trait: Torrent
81%, Status: Normal

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 227
Hefesto - Lv.05 - Trait: Sturdy
93%, Status: Normal

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Ana em Dom 21 Out 2012, 23:12

O soco daquele infeliz havia machucado meu ombro, eu me descuidei, mas não iria repetir essa falta de atenção. Velozmente, enquanto o gangster virou-se contra o Gladiador, entrelacei minhas pernas nas suas, e as torci, forçando-o cair no chão. Disse lhe:

- Se quiser um me enfrentar num mano-a-mano depois, terá sua luta, mas agora aja com um pouco de decência e orgulho e foque sua luta nos seus pokémons, seu merda!

Após dizer-lhe enfiei a mão na sua boca e forcei sua cabeça no chão, tentando impedir que desse ordens para seus pokémons, e prossegui:

- Hefesto, dê um poderoso rasante e enfiei suas patas fortes nesse Sigilyph pressionando-o contra o chão, em seguida com ele preso, desfira um poderoso "Peck". Por fim, prenda-o no bico por uma das asas, e jogue- pra cima, e acerte-o no céu com outro "Peck"!

Olhei para o Gladiador pressionando-o:

- Lute a sério, moleque!

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Dom 21 Out 2012, 23:35

OFF: ~Petrov você é fera!!

-Muito bem Totodile, deixe que o Hefesto te leve, mas assim que ele te soltar ataque o Sneasel com o Scratch, depois tente dá uma rasteira no Sneasel usando sua cauda e ataque com outro Scratch!!

A Cadete Medusa batalhava como uma deusa, era um prazer imenso poder compartilhar aquela batalha ao lado de uma cadete de tamanho poder. Totodile estava indo bem e com a ajuda do Hefesto as coisas iam melhorar para o nosso lado.

“ Vamos Totodile, confio em você!!”
( pensei enquanto Hefesto iniciava seu movimento)

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por ~Petrov em Seg 22 Out 2012, 00:36

Off: Obrigado, Vasco! A equipe toda do Shinki é fera. (;

Medusa era uma cadete sem igual. Sua fama condizia com suas atitudes e foi um erro do gangster ter achado que com um soco a jovem cairia e ficaria estática no chão. Enquanto o homem se dirige a Ed com intenções de socá-lo, Medusa entrelaça suas pernas por entre as do homem e o derruba no chão. O homem cai sobre sua mão e um grito absurdamente alto é ouvido vindo de sua boca.

- AAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAAH! - Geme o homem, que tira sua mão do chão e a ergue, podendo-se assim ver que o seu dedo indicador havia quebrado e estava estirado fora da posição normal, inchado e preso entre um dos furos do soco inglês.

O gemido do homem é interrompido pela mão de Medusa que vai ao encontro da boca do gangster. A cadete força a cabeça do homem contra o chão, machucando-o mais ainda. Medusa dá as ordens a seu pokémon e vira-se para falar com o gladiador. Nesse momento o gangster força o corpo para o lado, fazendo-o ficar de frente com a cadete, os dois deitados no chão, ela ainda com a mão na boca do homem. Com a mão que ainda estava saudável ele soca o braço de Medusa e se livra da mesma. O homem levanta do chão, põe a mão saudável sobre a mão quebrada e comanda seus pokémon.

- Sigilyph, ataque com Hypnosis e Gust o Skarmory! Sneasel, revide os arranhões que recebeu na mesma moeda! Um duplo Scratch naquele crocodilo imundo!

Skarmory lá de cima plana e alonga suas asas metálicas para intimidar todos que estavam no solo - inclusive o gladiador Ed, que ainda possuía assuntos pendentes com Medusa. O pokémon metálico gira 90 graus e deixa a inércia levá-lo na direção de Sigilyph. Quando vai se aproximando do alvo, Skarmory põe suas garras à frente de seu corpo e crava-as no corpo de Sigilyph, arrastando-o vários metros no chão devido à velocidade que o pokémon alado estava. Os dois só param quando encostam em um contêiner de lixo pesado, Skarmory ergue a cabeça e num movimento impressionantemente rápido finca o seu bico no corpo de Sigilyph, causando enormes danos.

Para desprazer de Medusa, Skarmory estava muito próximo de Sigilyph, possibilitando que este faça seus três olhos - os dois que ficam no corpo e o terceiro da acima da cabeça - brilharem e produzirem uma onda hipnótica que faz a fortaleza de aço cair para o lado dormindo. Sigilyph bate a asa que ainda estava relativamente intacta e produz uma ventania fraca contra Skarmory, mas foi o suficiente para fazer o pokémon psíquico ser levado para o lado oposto do pokémon de aço.

Totodile, sem Skarmory para alçá-lo contra Sneasel, fica sem muitas opções. O que lhe resta é correr até Sneasel para desferir os comandos que Ed o deu, mas Sneasel é extremamente rápido e num piscar de olhos aparece na frente de Totodile com suas garras afiadíssimas, cortando o pokémon aquático com um duplo Scratch, provocando um corte profundo. O pokémon geme de dor, mas mesmo assim ainda consegue saltar com suas garras de fora na direção do pokémon noturno para efetuar dois arranhões, mas apenas um deles acerta. Com um salto para trás, Sneasel evade o segundo Scratch.


Hora da Batalha
Condições da batalha: Beco estreito, comprido e escuro, iluminado pelo luar e alguns postes localizados na rua do Hotel Kazumi. No chão haviam alguns restos de lixo podre, mas o cheiro não chega a incomodar. O beco fica entre o Hotel Kazumi e outro prédio da cidade, logo as paredes são altíssimas.
[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 561
Sigilyph - Lv.06 - Trait: Wonder Skin
27%, Status: Asa direita machucada e corpo com uma rachadura

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 215
Sneasel - Lv.06 - Trait: Keen Eye
57%, Status: Corte superficial no peito

Vs.

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 158
Totodile - Lv.05 - Trait: Torrent
43%, Status: Corte profundo no ombro direito

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! 227
Hefesto - Lv.05 - Trait: Sturdy
89%, Status: Sleeping

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Vasco em Seg 22 Out 2012, 23:13

Hefesto parecia esta dormindo graças ao efeito do Hypnosis aplicado pelo Sigilyph, mas meu Totodile não estava melhor que o Pokémon da cadete, pois estava com corte profundo no ombro direito.

Totodile era um Pokémon Gladiador e eu tinha certeza que o sangue em seu corpo só iria aumentar a sua sede de vencer. Então, Resolvi tomar uma atitude e exigir o máximo dele.

-Totodile, vamos ajudar o Hefesto. Parece que ele está dormindo. ( tomei um pouco de folego e conclui)- quero que faça assim ataque o Sneasel com um Scratch, depois use sua cauda para saltar e apliquei um Scratch no Sigilyph.

A missão que eu havia passado para o totodile era complicada, mas eu esperava que ele a cumprisse com perfeição.

Voltar ao Topo Ir em baixo

[II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador! Empty Re: [II cap.] - Tatuagem no peito e Totodile no chão, agora sou um Gladiador!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 5 1, 2, 3, 4, 5  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum