O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Ir em baixo

O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Érica em Ter 31 Jan 2017, 20:27

Éris saia do carro, se alongando. Sorria alegremente por finalmente poder se esticar, mirando o vilarejo que havia chegado. Cornélia ao seu lado, parecendo muito satisfeita com o ambiente seco.

-Finalmente chegamos. Érica, vamos para o PEVOAK?
-Não saio!
-Você não pode ficar ai pra sempre.
-Posso sim!

Érica se recusava a sair de dentro do carro, onde o ar-condicionado ainda estava ligado. Hiromi choramingava a falta de água para nadar, tristeza compartilhada com a irmã de sua treinadora. Éris tentava convencer a outra a sair, mas Érica não estava interessada nisso e rosnava para qualquer um que tentasse tirá-la e/ou desligasse o ar.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Henri Sollari em Qui 02 Fev 2017, 22:18

1° dia em Piesok
Quinta-feira, 13h50

Após uma longa e cansativa viagem, a porta da van finalmente se abria para o destino final. Éris saiu animada de dentro do veículo já esticando as pernas se espreguiçando. O Sol estava a pino com todo o seu esplendor. O clima da vila era seco, presente do deserto próximo. As ruas da vila estavam cheias de pessoas advindas de toda a região. Gladiadores exibiam suas tatuagens enquanto contavam as histórias de cada cicatriz. Alguns stylists optavam por procurarem abrigo à sombra enquanto pouquíssimos se arriscavam em apresentações.

Éris olhou para o lado e não viu ninguém. Olhou para a van e viu sua irmã ainda sentada no banco. Érica não parecia disposta a se arriscar naquele clima nem um pouco convidativo e se afundava mais para dentro da van para fugir do calor que lutava para entrar pela porta aberta. Todos os cadetes iam passando pela loira restando somente ela.

— Recruta, vou precisar trancar a van. — O motorista fitava a jovem enquanto ajeitava uma grande mochila nas costas. — A propósito, o senhor Comandante Cornélios não deu ordens para reservar alojamentos para os cadetes. Então, cada um está por conta própria.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Éris em Seg 06 Fev 2017, 10:36

off: o Egg da Érica nasce nessa rota, né? =3
off2: sorry a demora x.x
off3: cada uma das gêmeas comprou para si uma caixa de Sitrus Berry e uma caixa de Lum Berry =3


Érica protestou até o último minuto, finalmente abandonando o interior do veículo e o amado ar condicionado. Na face, uma expressão chorosa e na sua frente o mini ventilador já ligado e com água em seu interior. A recruta reclamava por não ter levado alguém com Ice Beam, pois assim poderia criar um bloco de gelo para colocar no interior do ventilador e gelar a água que ele espirrava vez ou outra. Seria de muita utilidade. Éris somente revirava os olhos, conforme a irmã reclamava durante todo o caminho até a estufa Paradise, onde cada uma comprou uma caixa de Lum Berry e uma caixa de Sitrus Berry, e depois durante todo o caminho até o PEVOAK.

- Não sei como pode não apreciar um clima tão maravilhoso. Me sinto pronta para correr e treinar!
- Você é anormal. E não me refiro só ao gosto por Pokémon...
- Você que é estranha. Nunca entendi a graça em ficar sendo sacudida pra cima e pra baixo em uma lata de sardinha em cima da água. Coisa mais sem graça. Agora, acampar é tudo de bom.
- Por sorte, não precisaremos. Tenho certeza que Arceus vai sorrir pra mim e vai ter uma vaguinha no PEVOAK.
- Considerando que chegamos atrasadas, acho mais provável que acampemos ao melhor estilo Éris.
- Arceus, me salve dessa tortura. - Érica rezava mirando o céu sem uma única sombra de nuvem.

As gêmeas avançaram até o PEVOAK local, a fim de verificar a existência de quartos disponíveis. Caso recebesse uma resposta negativa, Éris ganharia e a dupla acamparia próximo ao PEVOAK, preferencialmente sob a sombra deste durante o dia e onde pudessem pegar somente o sol da manhã.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Henri Sollari em Sex 10 Fev 2017, 12:40

Off: Sorry a demora, mas tô vivo \o/
Off¹: É nessa rota sim, eu que esqueci de atualizar ^_^">
Off²: Saindo correndo do estágio, chegando em casa atualizo as fichas o/

1° dia em Piesok
Quinta-feira, 15h30

Após a insistência de Éris e do cadete motorista, finalmente a loira deixava a vã. O pequeno ventilador já estava trabalhando, mas não era potente o bastante para inibir todo o calor proporcionado pelo Sol da tarde. As gêmeas souberam da existência de uma estufa na vila e partiram para o lugar como primeira parada. Enquanto seguiam rumo à periferia da vila, as jovens iam se familiarizando com o contexto em que estavam. Era fácil distinguir os moradores dos convocados. Enquanto estes estavam mais dispostos e ansiosos (principalmente os gladiadores), a população da vila era mais reservada com feições mais desgastadas pelo Sol. As casas de barro eram simples e não aparentavam possuir todo o saneamento básico. A vida ali parecia ser muito dura e difícil.

A estufa se erguia de forma elegante com suas paredes de vidro. As jovens adentraram o lugar e logo viram uma variedade de plantas. A luz do Sol invadia a estufa de forma eficaz, mas o clima ali dentro era um pouco mais controlado para garantir uma boa saúde às plantas. Cada uma das gêmeas observaram bem o que queriam e pegaram algumas caixas com berries. Assim que pagaram, seguiram para o PEVOAK.

Cada uma das gêmeas gastou:
-500 Pk$ - 1 cx de Sitrus Berry (12 un)
-500 Pk$ - 1 cx de Lum Berry (12 un.)

Mesmo após terem passado pela estufa e feito compras, Érica ainda reclamava do calor e do clima estranho e seco da vila. O ventilador ainda trabalhava a todo o vapor enquanto Éris apenas revirava os olhos se mantendo paciente com as queixas da irmã. Chegar no PEVOAK era um alívio para Éris que agora sentia a voz da irmã ser abafada por todo o falatório das pessoas ali presentes.

O PEVOAK estava parecendo os ônibus de lotação na hora do rush. Era quase impossível caminhar por ali, visto que praticamente as pessoas eram levadas pelo movimento dos corpos dos outros. Gladiadores, stylists e cadetes se espremiam tentando ser atendidos ou receber a chave de seus quartos. As duas loiras se esticaram com dificuldade e conseguiram alcançar o balcão da recepção. Do outro lado do balcão, um Spinda passava meio desorientado com uma bandeja com água na mão. O homem, que parecia ser o dono do lugar, estava com uma expressão nada convidativa. Ele atendia a todos apenas com uma palavra: não! Não havia mais nenhuma vaga no estabelecimento e ele só queria despachar todo aquele povo dali. Apenas uma Azumarill tentava consolar os desabrigados, mas sem muito sucesso.

Érica era derrotada e teria que se submeter à proposta da irmã. Éris procurou um lugar próximo ao estabelecimento e onde batesse sombra pela tarde. A loira retirava todo o material de acampamento e começava a montar a barraca de forma devota e eficiente. Enquanto isso, Érica ainda se mantinha sob a proteção do ventilador enquanto reclamava de todos os desconfortos provenientes de um acampamento, principalmente em um lugar como aquele.

A tarde avançou e a barraca estava de pé. Restava às jovens se acomodares e aguardarem as instruções. Enquanto Érica ainda se lamentava por ter que entrar naquele pequeno espaço (apesar de ser uma barraca familiar), algo em sua mochila chamou sua atenção. O único ovo ali presente se manifestava. O brilho já conhecido pela jovem ficavam intenso e cascas já começavam a cair. A jovem retirou o ovo da mochila e o segurou com cuidado ansiosa para descobrir seu conteúdo. Em poucos segundos o brilho intenso foi-se esvaindo e um Eevee olhava curioso para a loira.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Érica em Sex 10 Fev 2017, 15:13

Off: bem vindo de volta \o/
Off¹: acontece XD e depois de 3 anos, finalmente nasceu @w@
Off²: ok =*




As gêmeas miravam os arredores, percebendo a realidade das pessoas que viviam ali. Não parecia ser uma vida fácil, e nem mesmo possuía uma saída fácil. O grande deserto e o ninho de Gyarados isolava o povo de Piesok naquele ambiente. A dupla se mirou brevemente, chegando ao acordo silencioso de se focar, primeiramente, em pegar o que fosse necessário e se acomodar. Se seu querido comandante queria elas lá, com certeza era por algum motivo importante.

Após comprar as frutas e passar pelo inferno que se tornou a loja de produtos naturais, Érica só parou de reclamar quando viu um movimento em sua bolsa. O brilho familiar a fez sorrir, segurando o egg perto de seu rosto e se mostrando ansiosa. Éris se aproximava, também curiosa, até que um Pokémon finalmente nascia.

-Que coisa mais fofa!

Érica abraçava o pequeno Pokémon, esquecendo-se do calor. Mimar o recém-nascido era mais importante.

-Vai ficar mais fofa depois de evoluir...
-Já é lindo assim, mas talvez seja melhor já evoluir mesmo...
-Eu tenho aqui algumas Fire Stones!
-Ta doida?! Nunca vou evoluir minha linda Eevee pra um Flareon!
-Mas é lindo!
-Erc...
-E que tal uma Umbreon cheia de estilo?
-Erc...
-Mulher difícil de agradar... E não vale me imitar e ter Leafeon também.
-Erc...
-Então vai evoluir ela no que?
-Bom... Espeon já tenho...
-Erc...
-E tenho dois Glaceons...
-Erc e erc...
-Não tenho ThunderStone para Jolteon...
-Erc...
-Mas posso evoluir ela para Vaporeon ou Sylveon!
-Erc e erc...

As duas discutiam sobre qual Pokémon a nova integrante do time devia evoluir. Conforme falavam sobre as pedras, as seguravam e erguiam, em duvida sobre qual usar e debatendo por vários minutos, parecendo não ver a pequena Eevee pulando ao redor delas, tentando pegar uma das pedras evolutivas. Quando Érica abriu a mochila para pegar uma das duas que havia visto, a Eevee aproveitou e entrou na mesma, cansada de esperar as duas irmãs decidirem e mordeu a primeira pedra que encontrava, a loira de olhos castanhos a pegando rapidamente, sem entender o que havia ocorrido, quando viu a Eevee segurando a Water Stone. O corpo brilhava e a mesma evoluía, assumindo sua nova forma, e Érica ficou grata por já estar sentada no chão e não sofrer com a mudança de peso.

-Ela tem o mesmo bom gosto que eu!
-Erc...

Por fim, Érica pegava as TMs Ice Beam, Water Pulse, Double Team e Protect, ensinando para sua nova Pokémon. Ela sobreviveria sem o Growl. Ambas arrumavam suas coisas mais uma vez, deixando tudo na mochila, exceto pela barraca.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Henri Sollari em Dom 12 Fev 2017, 23:10

Off: Guerraaaaa \o/
Off¹: Uma duvidazinha juro que eu li o tópico sobre o evento XD em rotas de duplas as batalhas são 2x2, mas também pode fazer as duas batalhas separadas? tipo: éris pra lá, érica pra cá... não que eu esteja pensando em coisas maquiavélicas assim  sunny
Ficha sendo atualizada

1° dia em Piesok
Quinta-feira, 18h

O nascimento da pequena eevee enchia os olhos de Érica que até esquecia de reclamar. Quando as gêmeas começaram a discutir sobre o futuro da recém-nascida, a pequenina olhava de uma para a outra com uma expressão curiosa e confusa. Pedras de evolução eram erguidas como que em uma batalha pelo direito da escolha da evolução.

Eevee já corria ao redor das loiras de forma descontraída até que encontrou a mochila de Érica sendo aberta. A pequena normal saltou e desapareceu por um momento, ressurgindo com a pedra da água. A pedra ia perdendo sua coloração azulada e viva enquanto que um brilho começava a envolver a pequena eevee. Em pouco tempo, ela cresceu e tomou sua nova forma. Para alegria de Érica e descontentamento de Éris, a vaporeon começava a testar seu novo corpo correndo ao redor das jovens. Érica separou algumas Tms e já as usou em sua recém evoluída water.

Com todas as coisas guardadas e uma vaporeon preparada com seus novos moves, as gêmeas ficavam de olho nos cadetes de alta patente esperando que algum deles se manifestasse sobre o que aconteceria na vila. Porém nenhuma nova ordem fora dada. Éris ainda ficava atenta aos arredores enquanto Érica voltava a resmungar sobre o clima. A loira com seu ventilador olhou em seu celular e percebeu que já era 16h.

Mal terminara de guardar o celular e um vento forte soprou vindo do deserto. Os cabelos se agitaram e se impregnaram com areia, o que fez arrancar mais reclamações de Érica. O vento parecia que cessaria, mas logo ficava mais intenso. Era evidente que uma tempestade de areia se aproximava. Sem escolhas, as gêmeas se ocultaram dentro da tenda. Outros convocados já corriam para seus abrigos.

Na segurança da tenda, Érica procurava se lembrar constantemente que estava ali a pedido de Cornélios. A tarde avançava assim como a tempestade. A ventania só se intensificava cada vez mais. O relógio apontava que já era 18h e o ventilador já era dispensado. A temperatura começava a cair ameaçando piorar com o passar das horas. Repentinamente, o som de uma trombeta era ouvido ao longe. Éris podia jurar que sentia o chão tremer um pouco. Outro som ecoava, mas desta vez era um alarme vindo dos cadetes que estavam no PEVOAK.

Evolução:


Eevee evoluiu para Vaporeon
Vaporeon recebeu +2 em HP, +3 em Sp. Attack e +1 em Sp. Defense

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Éris em Qua 15 Fev 2017, 19:38

off: pode separar as gêmeas durante as batalhas ^^ Não há nenhum impeditivo ^^
off2: lerigou (inglês bom? XD) pancadaria )o)


No interior da barraca, Éris protestava, reclamando do final evolutivo de Eevee, enquanto Érica a ignorava, ocupada demais em abraçar e afofar sua nova Pokémon.

- Eu tinha Fire Stone e Moon Stone...
- Ela é linda...
- Com tantas opções boas...
- Tão fofinha...
- Por que algo tão erc?
- Macia...
- Não dá para entender isso!
- Sedosa...

Vaporeon estava caída de barriga para cima, com parte do tronco no colo de Érica. A Recruta segurava a Pokémon por baixo das patas e a grande cauda se balançava satisfeita de um lado para o outro. A atenção da aquática se alternava entre as gêmeas, tentando entender as diferenças entre duas pessoas tão iguais.

A emoção passou quando o chão começou a tremer, acompanhando do som de uma trombeta. Era hora de batalhar. Haviam chego em Piesok no último minuto pelo visto. Não tiveram nem mesmo tempo para treinar seus Pokémon e agora teriam de superar uma dura batalha.

Érica recolhia Vaporeon para a esfera e seguia Éris para fora da barraca. A de olhos verdes nem hesitava em abandonar a barraca. Foram enviadas para Piesok por uma razão e uma barraca poderia ser readquirida facilmente.

Do lado de fora, cada uma com um lenço enrolado no pescoço e cobrindo boca, nariz, orelhas e cabeça (bem como mantendo o cabelo parcialmente oculto e preso sob o lenço), bem como óculos escuros para proteger os olhos, as gêmeas se lançaram para a tempestade de areia, prontas para lutar. As pesadas mochilas estavam firmes em suas costas, para garantir acesso a qualquer item importante que fosse necessário.

- Ariel! Tente encontrar nosso inimigo nesse temporal de areia!
- Hideko! Use seu faro e audição!

Cadela e leão se miravam com ira, mas sua atenção logo se voltava para o campo de areia, em busca dos responsáveis pelo caos que se instalara.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Henri Sollari em Qui 16 Fev 2017, 12:38

Off: Bom saber 3:)
Off¹: Lerigou )o) (inglês tá certíssimo u_u)
Off²: Pancadaria vai rolar solta /o/

1° dia em Piesok
Quinta-feira, 18h10

O caos batia à porta das gêmeas. Dados os fatos do que estava acontecendo do lado de fora da tenda, a vila estava sob ataque. Com Kalled como vizinha mais próxima, os armagedon pareciam dar o cartão de boas-vindas. Ou os gangsteres eram tolos ou inteligentes o bastante para usar a tempestade a seu favor. Érica recolheu sua recém-evoluída companheira e seguiu para fora da barraca sendo seguida pela irmã. Ambas se envolveram em lenços para se protegerem do clima árduo.

A tempestade de areia era muito poderosa. A visão era significativamente diminuída. Apesar de protegidas, as loiras conseguiam sentir os grãos de areia batendo em seus corpos. O chão tremia mais forte e várias pessoas começavam a sair das proteções de suas tendas e casas. Os que encabeçavam a aventura eram os cadetes e os gladiadores. Alguns stylists tentavam a todo custo se manter em segurança, mas, dadas as circunstâncias, nenhum lugar era mais seguro.

Hideko e Ariel eram liberados de suas esferas. Apesar da rivalidade, os dois sabiam que o perigo era eminente. Sob as ordens das loiras, os dois se viraram para a entrada da vila e se mantiveram com uma pose agressiva enquanto rangiam os dentes. Ao horizonte, parecia que uma grande massa escura vinha na direção da vila. Os tremores aumentavam cada vez mais e gritos e sons de trompetes cada vez mais altos. Uma explosão surgiu no lado leste da vila e cadetes já gritavam para que todos atacassem. As gêmeas se viraram na direção da explosão já pensando em se unir à batalha que estaria acontecendo ali, mas eis que Ariel repentinamente levanta a barreira de proteção.

Vários gangsteres montados em rhyhorns passavam pelas jovens sacudindo malhos em suas mãos e gritando alto. Se não fosse a proteção, ambas teriam sido esmagadas pelos grounds. A onda de rhyhorns passou e gangsteres a pé surgiam correndo seguidos de seus Pokémon. Gladiadores já gritavam animados pelo furor da batalha enquanto stylists não viam outra opção a não ser batalhar (para ao menos se manterem vivos). A proteção de Ariel se desfez. Desta vez, as gêmeas estavam rodeadas por batalhas e procuravam se esquivar de gladiadores que passavam montados em arcanines e rapidashs.

— Olha que sorte a nossa, Merlin! Duas marionetes do governo!
— Oi lindinhas. Vamos aproveitar que estamos nessa festinha e vamos nos conhecer melhor.

Os dois gangsteres se expressavam como se fossem duas crianças tenebrosas que acabaram de encontrar seus novos brinquedinhos. Um mightyena rangia os dentes para Ariel e Hideko enquanto uma skarmory sobrevoava os dois armagedon. Mais explosões surgiam pela vila. A ordem de Cornélios era bem clara agora...

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Érica em Sex 17 Fev 2017, 22:20

off: lérigou pra guerra )o)
Off: caso considere como Éris tendo feito 3 ações, desconsiderar a última \o




As duas irmãs tentavam ver o que ocorria, tarefa que era realmente difícil por causa da tempestade de areia. Percebiam muitas pessoas agindo, indo para as batalhas, ação que seria tomada pelas gêmeas. Mantendo o lenço firme para cobrir parte do rosto e olhos protegidos, Éris e Érica avançavam.

Os planos para irem ao local onde ocorrera a exploração, e assim se juntar a batalha, eram frustrados graças a chegada de vários gangsteres montados em Rhyhorns. A barreira erguida pelo Luxray impedia que fossem esmagadas. Éris se abaixava ao lado de Hideko, mirando os Armagedons avançarem enquanto, aproveitando a proteção, equipava Hideko com a mega Stone apropriada. Já previa que a batalha não seria fácil.

Quando a barreira se desfez, diversas batalhas aconteciam ao mesmo tempo ao redor das recrutas, não demorando para que ambas encontrarem dois Armagedons prontos para enfrentá-las. Ambas franziam os olhos, não muito felizes pelos comentários.

-Nós duas lamentamos, mas...
-Não podemos perder tempo com vocês.

Ao terminar de falar, Éris ativava a mega evolução de Hideko, finalmente se considerando pronta para a batalha. Érica novamente liberava sua Vaporeon, que mirou aos arredores com surpresa.

-Hideko, avance contra Mightyena com Flamethrower. Aproveite qualquer evasiva ou bloqueio dele para surgir das chamas e surpreende-lo com Fire Fang!
-Vaporeon, nos proteja de qualquer ataque com Protect, e se puder, acerte um Water Pulse no Skarmory. Não precisa de muito dano, apenas molhar ele para que os ataques de Ariel sejam mais efetivos. Ariel, tente derrubar Skarmory com Thunder Wave e use Thunder! Fique atento para desviar de qualquer ataque!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Henri Sollari em Sab 25 Fev 2017, 21:00

Off: Desconsiderei o terceiro comando u.u/
Off¹: Sorry a demora T^T
Off²: Mapa da batalha lol
Off³: Qualquer erro, podem puxar minha orelha XD


1° dia em Piesok
Quinta-feira, 18h15

Diante das jovens, os dois gangsteres se mostravam confiantes no que estavam fazendo. Apesar de quase o rosto todo estar coberto por panos, era possível ler a expressão de ambos. As gêmeas não se intimidavam com as palavras proferidas e respondiam à altura. Éris logo ativava a mega evolução de Hideko. Uma grande energia saía de ambas as pedras e se encontravam. A loira conseguia sentir sua conexão com o houndoom enquanto ele, aos poucos, crescia e mudava de forma.

— Ela tem um brinquedo legal, Alan!
— Nós vamos ficar com esse seu mega ring depois que você perder!
— Mas eu quero ficar com aquela loirinha...
— Qual loirinha?
— A mais bonitinha!!!!
— Se concentre, Merlin!!! Não dá nem pra ver elas direito!
— Affz... Guelroz, comece com suas cópias como escudo e prossiga com suas asas de aço.
— Misk, rebata com Shadow ball! Termine com dig!

Antes que os pokémon começassem a se movimentar, vaporeon saltou para traz de Érica e ergueu a proteção. Um grande ataque de areia se chocava com a barreira verde. A cadete se virou assustada e viu, um pouco longe, um sandslash afiando as garras uma nas outras em forma de provocação e já preparando outro ataque. Atrás dele, um homem se mantinha oculto sob o turbante.

— Apenas mate... — A voz era fria e desinteressada. Ele parecia estar mais atento ao que estava acontecendo nos arredores.

As garras de sandslash aumentaram de tamanho e emitiam um brilho branco. Ao mesmo tempo, a aquática emitia seu pulso d’água em direção ao tatu. O ground corria com destreza pelo campo e saltou em direção a ataque da vaporeon partindo-a ao meio com seu cut.

— Apenas atraso... Cinamon, Swords Dance e Dig...

Batalha Érica 1 - Vaporeon X Cinamon:


Hora da Batalha
Condições da batalha: Sandstorm (-6%)

Vaporeon - Lv.01 - Trait: Water Absorb
Item: None
94%, Status: Normal
Vs.


Cinamon/Sandslash - Lv.18 - Trait: ?
Item: ?
100%, Status: Normal

A ave metálica sobrevoava o local enquanto emitia sons provocadores, porém, nem mesmo esses sons impediam a habilidade intimidadora do luxray de afetá-lo. Os pelos de Ariel ficaram estáticos e uma onda de trovão saiu em direção ao céu. Guelroz já havia se multiplicado espalhando 5 clones nos céus que logo voaram em direção ao golpe do luxray para interceptá-lo. O felino saltou para traz já lançando ao céu a carga elétrica. O poderoso trovão desceu imponente emitindo seu som característico e atingiu a ave no ar. Skarmory se desequilibrou no ar, mas se recuperou. As asas já emitiam o brilho metálico. Mergulhando diretamente contra o felino, Guelroz o arranhou no lado esquerdo, mas não causou muito desconforto ao elétrico.

— Vamos, Guelroz! Ele não vai ser páreo para nós!!! Use seu double team novamente e depois voe com seu fly.

Batalha Érica 2 - Ariel X Guelroz:


Hora da Batalha
Condições da batalha: Sandstorm (-6%)

Ariel/Luxray - Lv.32 - Trait: Intimidate
Item: None
83%, Status: Normal
Vs.


Guelroz/Skarmory - Lv.30 - Trait: ?
Item: ?
55%, Status: -1 Atk| +1 Evs

Um pouco ao lado, Hideko se movimentava de forma surpreendentemente superior ao mightyena. O canino abriu a boca expelindo a grande quantidade de chamas que avançaram contra o dark. As chamas eram mais intensas e poderosas do que antes deixando a dark queimada. Mightyena se recuperou rapidamente. Dava para perceber que a canina estava mais veloz, apesar de ainda não estar à altura do mega evoluído. A dark liberou sua esfera negra contra o houndoom. A esfera explodiu em contato com Hideko, mas o fire mal sentira nada. Apenas abocanhou um pouco da energia negra que se dispersava pela ar enquanto fitava a adversária. Misk arregalou os olhos e logo mergulhou para dentro da areia deixando para trás apenas o grande buraco. Mesmo oculta, as dores da queimadura no pescoço se faziam presentes.

— Seu houndoom quer se fazer de durão, não é!? Veremos até onde ele aguenta. Misk, prepare seu toxic.

Batalha Éris - Hideko X Misk:


Hora da Batalha
Condições da batalha: Sandstorm (-6%)

Hideko/Mega Houndoom - Lv.32 - Trait: Solar Power
Item: Houdoominite
89%, Status: Normal
Vs.


Misk/Mightyena - Lv.29 - Trait: >>Quick Feet<<
Item: ?
67%, Status: Burned (peito)| x1,5 Spd| -50% Atk

Burn
Misk: -5%

A força da tempestade de areia atingia a todos. As gêmeas não conseguiam olhar muito longe, mas sentiam que outras batalhas já aconteciam bem próximas a elas. Ao longe, um grande estrondo indicava que uma casa acabava de cair.


Última edição por Henri Sollari em Qui 02 Mar 2017, 15:04, editado 2 vez(es)

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Éris em Qua 01 Mar 2017, 15:11

Off: ok ^.~
Off¹: só se perdoar a nossa XD
Off²: 3 batalhas simultâneas )o)
Off3: pode deixar XD qualquer coisa errada no post, só mandar mp avisando ^^/




As irmãs assistiam a conversa dos oponentes com gotas nas cabeças, depois se mirando. O vento e a areia fazia o cabelo de ambas se moverem de forma aleatória, os óculos impediam a visão de seus olhos. A única coisa que podia diferenciar uma da outra, era a cor dos lenços. Alguém dizer que queria ficar com a loira mais bonitinha nesta situação era inesperado.

-Fico surpresa que alguém nos diferencie nessas condições...
-Eu que o diga... Só muda a cor do lenço...

As gêmeas falavam entre si, pelo menos até a Vaporeon impedir um ataque pelas costas de uma das loiras. Érica se virou assustada, vendo um Sandslash sendo comandado por alguém. Franziu a fronte levemente, já ciente que sua Pokémon não daria conta sozinha.

-Hiromi, ajude a Érica!

Éris liberava sua felina, que se posicionava ao lado da Vaporeon.

(Comandos da batalha 1)
-Vamos lá querida, use Ice Beam nos pés do Sandslash enquanto ele usa Swords Dance, isso deve atrapalhá-lo um pouco!
-Hiromi, use seu Seed Bomb antes que ele cave!
-Depois Protect para proteger você e Hiromi do Dig!
-Espere o melhor momento para usar Faint Attack, mas só após o Protect da Vaporeon!

Érica, em seguida, liberava Yuzu e a equipava com Luck Insence ao mesmo tempo em que comandava seu Luxray. Sorria satisfeita pelos golpes bem sucedidos de seu Pokémon, confiava plenamente em Ariel e acreditava que era capaz de vencer aquela batalha.

(Comandos da batalha 2 (equipar Luck Insence na Shuppet))
-Ariel, use Charge para aumentar o poder do seu próximo ataque! Yuzu, proteja ele do Fly com Protect! Ariel, aproveite que o verdadeiro vai estar perto e o acerte com Wild Charge!

(Batalha 3 (equipar Lucky Egg no Axew))
-Hideko é uma garota!

A loira gritou indignada, não acreditando que alguém poderia confundir sua linda e delicada Hideko com um macho, ignorando Érica que dizia não culpar o outro pela confusão. Sorriu ao ver os grandes feitos de sua Pokémon, satisfeita com a vantagem inicial. Liberava seu pequeno Axew, equipando o mesmo com  com Lucky Egg.

-Hideko, salte para fugir do ataque e use Flamethrower direto no buraco! Force a saída dela, e quando ela sair, espere ela usar o Toxic para usar seu Sludge Bomb de forma que ele pegue o Toxic e faça Mightyena ficar envenenada! Eiji, use Taunt na Mightyena!

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Alice em Dom 05 Mar 2017, 21:17

Rota inativa a pedido das players devido a crise narrativa.

Voltar ao Topo Ir em baixo

Re: O Inferno de Érica! Sol Escaldante!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Voltar ao Topo

- Tópicos similares

 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum