Teste: Esperando uma chance.

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Qui 24 Abr 2014, 20:33

Era um dia comum naquela região, Thomas estava saindo de casa pronto para fazer o teste, e ele continuava com sua faixa amarrada no pulso, parecia muito como se alguém estivesse apertando o pulso dele, a casa estava parecendo mais antiga do que nunca, todas as pessoas olhavam para a casa com desconfiança desde o dia em que prenderam seu pai, as pessoas em volta não paravam de olhar para ele com olhares sérios, parecia que ele tinha feito uma coisa horrível, mas ele nunca fazia nada de mais, a não ser sair pelo jardim pegando os frutos que havia plantado.

Ele estava andando pela cidade, procurando a Academia de Policia, mas ele não sabia onde era, nem como seria ela, ele tentava perguntar para as pessoas que passavam, mas todas saiam de perto dele, ele não estava conseguindo entender, o que estava acontecendo, nem sabia como chegar lá, ele começou a andar pela cidade sem rumo. Thomas foi andando para onde parecia ser certo ir, ele andou durante um tempão sem achar, parecia até que estava andando em círculos, ele estava andando um bom tempo até chegar a um lugar onde só tinha três caminhos, um era para a direita, o outro para a esquerda e o ultimo era atrás, que foi por onde ele veio, Thomas não estava conseguindo escolher, ele ficou mais ou menos 20min. Pensando, até que decidira ir para esquerda, que parecia ser o melhor caminho.

Thomas estava andando para frente com uma sensação de que já havia passado por ali, mas ele continuou andando por ali, olhando para todos os lados, ele estava se sentindo como se ali fosse um novo lugar, mas ele começou a morar lá durante alguns anos, ele já deveria conhecer tudo o que tinha em volta, estava cansando, sentindo que seu pé ia quebrar, estava olhando para os lados pensando, achando que não conseguiria chegar lá antes que aumenta-se a movimentação do lugar.

Thomas estava com a sensação que estava chegando à Academia, mas ele não tinha certeza, ninguém em volta estava a fim de dizer e mesmo que quisesse, ele não iria perguntar só queria sair de lá o mais rápido. Ele ficou andando mais uma meia hora e não achava, mas depois de andar um pouco, ele virou para a esquerda em certo ponto, que vira um tipo de prédio e por muita sorte, percebeu que aquele prédio era o da Academia de Policia, na hora ele se sentiu muito satisfeito de ter encontrado, então ele foi até o prédio e entrou lá.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Sab 26 Abr 2014, 20:37

Apesar de morar em Nyender há alguns anos, Thomas nunca soube a localização da Academia, visto que seu pai e seus irmãos só lhe mostraram o que precisava saber para os roubos. Portanto a caminhada fora longa e cansativa até que o moreno encontrasse a Academia de Polícia. A chuva que castigava a cidade não auxiliava em nada a busca do aspirante a cadete, porém ele estava determinado a encontrar o prédio.

Em frente as portas cinzentas, o coração de Thomas falhava uma batida. As lembranças das pessoas lhe ignorando, de Tyrogue, de seu pai, de seus irmãos, de sua mãe... Tudo se confundindo em sua mente, lhe desafiando a continuar, ou a desistir... O misto de sentimentos era confuso e desigual, no entanto Thomas respirou fundo, tocou a faixa de Tyrogue presa em seu pulso e entrou no edifício de cabeça erguida.

Cadetes e seus felinos circulavam pelo interior, em conversas claramente particulares. Nenhum aparentava estar disposto a olhar para o moreno e lhe oferecer algum auxilio como o cadete que lhe ajudara no dia em que seu pai fora preso. Contudo, após uma segunda inspeção do saguão de entrada, o aspirante percebeu uma recepcionista atrás de uma mesa.

-Pois não?

A mulher de longos cabelos negros e lisos, presos em um rabo de cavalo alto, questionava assim que o jovem se aproximou. A face séria, porém prestativa revelava somente o profissionalismo da mesma. Sobre o balcão e próximo da atendente, um Taillow observava Thomas.


off: serei sua narradora ^^ espero que se divirta ;D
off2: não esquece de adicionar o link da sua ficha, storage e cartão fidelidade nas áreas indicadas no perfil ^^
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Sab 03 Maio 2014, 20:12

Thomas olhava para os lados admirando o que estava em volta, os Cadetes tinham olhares firmes, e já o julgando, eles não pareciam muito felizes em velo. Thomas nem ligava mais com isso, pois já estava muito acostumado com olhares de desprezo, e logo que entrou lá, foi direto para uma mulher de cumpridos cabelos negros e lisos, prezo num rabo de cavalo, ela tinha um olhar firme e sério sobre o rapaz, que se manterá com seu olhar calmo e confiante, ele escutou o que a mulher disse e logo decidira responder continuando calmo com uma voz firme.

 Oi, você pode-me dizer onde é que eu posso fazer um teste. - Disse Thomas esperando uma resposta e continuou antes de receber uma resposta. - Para me tornar um Cadete.

 Ele disse olhando diretamente para a mulher, que não parecia se importar com ele, e seu Pokémon ficava o observando, todos tinham um ar sério e até seus Pokémon também projetavam a mesma emoção, e todos esses Pokémon ficavam olhando ao arredor, prontos e dispostos a seguir o que os seu donos pedissem, eles pareciam muito obedientes. Thomas se sentia muito mais feliz e calmo a cada instante que ficava na Academia de Policia, para as pessoas em volta parecia não se importar com a presença dele, e ele também nem ligava, então continuou esperando a resposta que tornaria a ajudá-lo para chegar ao lugar certo para fazer o teste.

OFF: Ok, já vou colocar.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Dom 04 Maio 2014, 11:37

- Primeiro andar à esquerda.

A mulher respondia sem grande emoção na voz e, logo depois, retomava seu trabalho no computador. Thomas, sem se importar com a postura distante dos oficiais, mirou as escadas e, sem demoras, começou a subi-las. O medo de não identificar a sala correta dentre as inúmeras que possivelmente existiriam no primeiro andar se esvaiu ao perceber, na metade das escadas, o fim da fila de aspirantes. O jovem ainda subiu alguns degraus, na esperança de verificar se realmente aquele era o fim da fila para os testes, porém logo foi surpreendido pelo último.

- Hey, você! O fim da fila aqui! Não vai tentando passar a frente não hein!

Os demais presentes na fila logo apoiavam a fala do último e Thomas, sem nem ao menos ter visto o começo da fila, descia os degraus e se posicionava no final. O homem a sua frente logo retomava sua leitura, claramente preocupado com o tipo de questionamento que Angélica lhe faria, assim como a grande maioria que aguardava sua vez de realizar a prova.


off: próximo post só com links no perfil ^^
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Sab 10 Maio 2014, 20:34

Depois de um tempo, a mulher respondeu a localização de onde fazer o teste, Thomas agradeceu sem se importar com as pessoas em volta que lhe lançava olhares de desprezo, ele seguiu pelo caminho que a mulher indicou, foi andando até a sala do teste, e quando ele chegou ao lugar, mas quando estava bem perto escutou uma pessoa que já o avisará. Depois que ele escutou o que a pessoa falando, obedeceu-o sem se queixar, ele foi seguindo a fila de gente até chegar ao fim, ele demorou bastante para chegar ao fim, ele chegou e logo entrou na fila, depois que entrou percebeu um rapaz a sua frente que lia uma revista, mas Thomas não conseguiu ver o que era só suspeitava que ele estivesse se preparando para fazer o teste.

 O tempo ia se passando, a cada segundo parecia que se passava uma eternidade, e só piorava escutar o nervosismo das pessoas a sua frente, Thomas não estava prestando atenção nas pessoas que estavam na sua frente, só esperava para começar logo, e que não fosse tão complicado como parece.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Ter 13 Maio 2014, 16:42

off: desculpa a demora =x
foi um fim de semana longo e uma segunda ainda pior x.x
off2: ainda estão faltando os links no perfil...


A fila aparentemente demoraria e a falta do que fazer parecia tornar cada segundo longo o suficiente para se viver mil vidas. O jovem Thomas não se importava com os olhares recebidos, já estava acostumado a ser destratado. Contudo nada parecia piorar do que esperar infinitamente. Os demais aspirantes estavam muito ocupados, lendo e revisando a matéria exigida nas provas.

Um cadete descia as escadas apressado e carregando um envelope pardo. Ao chegar no térreo, Thomas o viu chamar outros dois oficiais, que prontamente vestiram seus casacos e acompanharam o primeiro para a rua. Os três acompanhados de seus felinos, um Mienshao, um Luxio e um Swellow.

Thomas observou a clara saída em missão, avaliando os diversos sentimentos que a visão lhe despertava. A fila avançava um pouco e o aspirante subia mais três degraus. O fim da escada ainda estava consideravelmente longe.

- O que essa faixa significa? - O aspirante que estava atrás de Thomas perguntou e, somente neste momento, o moreno percebeu que mexia na faixa de seu Tyrogue, presa em seu pulso.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Qua 28 Maio 2014, 22:02

A sala do teste estava extremamente longe, a fila era interminável, e tudo parecia tenso e silencioso, as pessoas em volta estavam concentradas em seus estudos para o teste, porem Thomas continuava a observar as coisas em volta, pensando como seria o Pokémon que receberia e como seria o teste. A opção de não conseguir passar no teste não saia da cabeça dele, pois ele não era muito bom sobre as informações, só sabia de poucas coisas, mas pelo que se via, poderia ser o suficiente para conseguir passar no teste, ele torcia muito e não parava de olhar para a faixa que estava amarrada no seu pulso.

 Thomas estava um pouco distraído com os Cadetes que passavam por ali, alguns com missões, e outros não, as pessoas em volta nem ligava para quem estava na fila ou se ia demorar para fazerem o teste, só queriam aproveitar o tempo para estudar sobre o assunto que poderia ter no teste. Depois de um tempo, quando ele subiu três degraus, Thomas escutou uma voz atrás dele, fazendo-lhe uma pergunta que fizera seu cérebro revirar de emoções que tentava esquecer, ele olhava com tristeza para faixa enquanto passava a mão nela, a pessoa olhava para a faixa com curiosidade, Thomas não sabia o que poderia dizer, nem o que pensar, ele ficou parado ali, olhando a faixa e logo voltando para o rosto do rapaz que lhe fizera a pergunta, então ele respirou fundo e disse com calma.

- É um presente de um amigo. – Disse tentando não continuar falando sobre o assunto.

 Então voltei a olhar para a faixa que estava em meu pulso, que parecia um pouco velha, mas ele não podia trocada-la por outra ou simplesmente jogar fora, tudo parecia difícil, ele não conseguia pensar em mais nada para dizer, a não ser aquilo, e não importava, ele só pensava em quando poderia fazer seu teste e conquistar seu pequeno Pokémon felino, mas a fila era imensa demais, então voltei a esperar.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Dom 01 Jun 2014, 12:40

Após a resposta de Thomas, o outro aspirante calou-se. Era fácil perceber que falar da faixa era doloroso para o moreno. O aspirante a cadete observava o relógio na parede em frente ao topo da escada, contando os minutos que se arrastavam. O tão sonhado teste parecendo a cada segundo mais distante que o anterior. Apesar de avançar mais quatro degraus, Thomas pressentia que demoraria quase uma vida para chegar sua vez.

- Então, vai fazer teste para quê?

Thomas suspirou. Tivera praticamente duas horas de descanso, mas o aspirante atrás de si parecia agitado e ansioso demais para esperar em silêncio. Era possível ver nos olhos azuis do mesmo sua inexperiência de vida. Não mais que um garoto querendo se tornar alguém, mas que ainda conservava sua infantilidade e imaturidade. Os dedos de Thomas deslizaram pela faixa de seu amigo, tentando se lembrar da última vez em que ele tivera o direito de ser infantil ou inocente... Sua família, ao invés de proteger sua infância, a destruíra...


off: desculpa a demora e desculpa o post fraco x.x
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Seg 02 Jun 2014, 11:57

OFF: Desculpe por ter demorado para responder.

 Thomas estava cansado de esperar para fazer um teste que nunca acontecia, o tempo parecia um Slowpoke competindo uma maratona, as pessoas estavam quietas, concentradas em seus estudos sobre o teste, só poucas conversavam com os outros que estão por perto, Thomas não queria falar com ninguém, mas o rapaz atrás dele insistia em fazer-lhe perguntas onde ele não gostaria de responder, mas ele não podia simplesmente não dizer mais nada. Ele respirou fundo, tentando deixar a voz calma e concentrada, ele voltou sua atenção para o rapaz que parecia muito inquieto, então depois de um tempo de infelicidade ele disse.

 - Eu vou fazer o teste para me tornar um cadete.- Thomas disse com uma voz seria e logo voltou a ver o relógio.

 Ele ficou parado pensando no como seria o teste, e se consegui-se passar, qual seria sua primeira missão, ele olhava para frente e via que a fila não parecia diminuir, estava parecendo ainda maior do que antes, Thomas olhava para o relógio a cada minuto, parecia que o tempo passava devagar, a cada segundo era uma agonia, e o silencio só piorava as coisas.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Qua 04 Jun 2014, 16:00

O desejo de Thomas era o de esperar em silêncio até a chegada do teste, mas o outro aspirante parecia não desejar ajudar o moreno a conquistar esse objetivo. Claramente ansioso, o outro mal conseguia permanecer parado no mesmo lugar. A personalidade explosiva chamava tanta ou mais atenção que a vestimenta rosada do outro.

Teste: Esperando uma chance. Anime-anime-boy-blue-eyes-boy-cool-Favim.com-334296

- Cadete? Isso é muito legal. Eu quero ser Stylist. Não querendo desmerecer a sua profissão, mas acho que não existe profissão melhor que a de Stylist. Imagina só? Distribuir alegria e sorrisos, inspirar as pessoas a realizarem seus sonhos, se apresentar com os pokémons... É muito legal e muito emocionante. Sem falar nas apresentações dos teatros...

Thomas observava o outro falar sem nem ao menos parar para respirar e se questionava como faria para calá-lo. Algumas pessoas da fila já começavam a mirar o falador não muito satisfeitas por terem seus estudos interrompidos, porém o animado não notava a hostilidade e seguia com seu relatório.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Ter 08 Jul 2014, 21:30

Thomas havia chegado à academia de policia há muito tempo atrás, e ainda não começara o teste, que talvez levasse a sua carreira ao sucesso, ou ao fracasso, tudo dependia do conhecimento sobre Pokémon que ele adquiriu durante o longo tempo que ele passou na velha casa de sua família, enquanto ele se relembrava de algumas coisas, que sempre se misturavam, mas era fácil decorar algumas coisas. Mas o único problema que ele estava enfrentando naquele momento, era o rapaz que estava bem perto dele, o rapaz não parava de falar e incomodar os outros que queriam terminar seus estudos, para que pudessem ser aprovados, e mesmo sem perceber que estava incomodando as pessoas em volta, e Thomas não era exceção.

 Passava-se um longo tempo de falação, e Thomas ainda não conseguia se concentrar e não sabia mais o que fazer para o rapaz ficar em um silencio agradável, mas ele continuava sem descanso. Thomas só queria um pouco de silencio, mas ele não fechava a boca, ele já estava pensando na possibilidade de usar uma fita adesiva para fechar aquela boca, mas esse pensamento se foi logo que apareceu, depois de um longo tempo de frustração, Thomas se virou na direção do rapaz e disse com uma voz calma, na ultima esperança de conquistar um silencio pleno.

 - Você poderia fazer silencio para que as pessoas que estão em volta possam se concentrar no que elas estão fazendo.

OFF: Desculpe a demora.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Qui 10 Jul 2014, 23:05

off: tranquilo. tb tava na correria ^^ final de semestre é fogo x.x


O estranho rapaz mirou em volta, analisando os outros aspirantes após o pedido de silêncio de Thomas. A julgar pela sua expressão, ele não parecia realmente ter notado que até o momento estava atrapalhando. Os olhos claros pareciam atentos e analíticos, demorando-se em cada indivíduo na sala de espera.

- Bobagem. Se não aprenderam até agora não aprendem mais. Além do mais, revisar em cima da hora só aumenta o nervosismo o que torna maior a possibilidade de reprovação, já que o nervosismo é a causa número 1 para o esquecimento de informações importantes, pelo menos foi isso que li no livro de auto ajuda do dr. Spencer. Já leu os livros dele?

Aparentemente a indireta mais direta possível não surtiu efeito no loiro que seguia seu falatório incansavelmente. Contudo, para alivio de todos que estavam na sala de espera, a secretária de Angélica logo o chamou para a realização de seu teste. O mesmo se retirou pedindo que lhe desejassem boa sorte. Logo após a porta se fechar e o silêncio finalmente reinar, um rapaz falou em voz alta que desejava a reprovação para o outro e, em seguida, retomou sua leitura. Thomas finalmente conseguirá seu silêncio, mas com ele o nervosismo, já que agora faltavam muito poucos para sua vez no famoso teste.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Dom 27 Jul 2014, 16:38

A Academia estava silenciosa depois que o rapaz tagarela, o silencio era fantástico, Thomas agora conseguia pensar no que podia fazer para dar uma boa impressão, mas não sabia o que poderia fazer para parecer merecedor de conseguir sua profissão, depois de um tempo, Thomas viu que o silencio era um pouco estranho depois que o rapaz ficou falando, ele tinha até se acostumado com o rapaz falando sem parar, e pelo que Thomas percebeu que ninguém se importou com o que o rapaz havia dito sobre ficar estudando e cima a hora.

 Ele ficou olhando para a porta onde estaria a Angélica, e o rapaz falante, Thomas até estava sentindo pena da Angélica, por ela ter que aturar todo o falatório dele, mas talvez ela já esteja acostumada a ver varias pessoas que falam demais, o que ele devia fazer, era torcer para que Angélica não esteja de mau humor, por que seria muito ruim para ele se tornar um Cadete, pois ela que decidiria se ele ia ou não se tornar um Cadete.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Alice em Seg 28 Jul 2014, 09:49

O silêncio de repente não parecia tão bom para Thomas, ainda mais após cada novo candidato sendo chamado e até mesmo o som de folhas cessando. O jovem sentia a ansiedade crescer e rezava para que a comandante estivesse de bom humor, já que a mesma definiria seu futuro. Um a um os aspirantes seguiam sumindo, até que o nome de Thomas foi chamado. Era sua vez finalmente...

- Nome e classe.

Angélica estava sentada em sua cadeira. A barriga já visível ainda escondida sob o blazer cadete, marcando-o de forma inconfundível. Persian, deitada ao lado da mesa, o analisava de cima a baixo, como se considerasse se o jovem seria digno de receber um rosnado ou se deveria simplesmente ignorá-lo por completo. A mesa da mulher estava impecavelmente arrumada e, da janela, era possível ver as nuvens pesadas que ainda cobriam Shinki.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Ter 29 Jul 2014, 19:14

Thomas entrará com um olhar sério, tudo parecia frio dentro da sala do teste, Angélica estava sentada em sua cadeira, junto de seu felino leal, Persian, que junto ajudava sua dona, o Persian parecia examinar Thomas desde quando entrou, e não parecia muito simpático com sua presença, ele não sabia direito o que devia fazer, até escutar a Angélica perguntando para ele o seu nome. Thomas olhava para ela com calma e confiança, e não demorou muito para ele responder a pergunta que lhe fizera.

- Eu me chamo Thomas Peterson. – Disse calmo sem demonstrar muita emoção. - Eu quero me tornar um Cadete.

 Depois que ele falou, ele olhou para o Persian que continuava a examinar Thomas com um olhar frio, de que poderia estar fazendo outra coisa naquele momento, ou era o que Thomas achava, Porque também podia dizer que o Persian queria velo morto. Ele não conseguia saber o que poderia significar aquilo, só torcia que fosse algo bom, então ele voltou a olhar para Angélica, na espera que ela diga algo, mas também não se sabia o que ela poderia dizer, ela parecia ter a mesma personalidade que a do Pokémon.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Dom 03 Ago 2014, 15:03

O aspirante a cadete parecia observar cada traço daquela salinha onde a capitã estava. Persian se mostrava um verdadeiro protetor de sua mestra e mantinha o seu olhar penetrante no jovem moreno que estaria ali para adentrar à corporação dos cadetes. O felino não baixava a guarda e Thomas poderia supor que o gatuno iria dá um salto a qualquer momento em busca do pescoço do garoto. Mesmo assim, o jovem resolver estar a se apresentar em poucas palavras, apenas para poder não contrariar a capitã e o seu felino, que parecia um guarda-costas e detinha de uma personalidade tão forte quanto de sua dona.

Apesar de estar sobre uma cadeira aparentemente confortável e detrás de uma mesa, o rapaz percebia uma elevação na barriga da capitã. A mesma detinha também de um ar um tanto mal humorada e era visto que os seus seios já detinham de um volume maior que ao normal, certamente nesse período a capitã estaria já produzindo leite para a sua cria estaria a nascer. Ao fundo, as nuvens negras se acumulavam sobre Nyender City e assim já era visto alguns relâmpagos e posteriormente alguns trovões que se seguiam pela capital.

- Um cadete? E o que me faria aceitar você como um dos senhores da lei de Shinki? Espero que tenha um bom motivo, que não me faça desperdiçar o meu tempo... – dizia revirando os olhos e em seguida observando o rapaz de cima para baixo, como se procurasse vários defeitos.

O som da chuva começava a cair. Estava grossa e parecia que começava a banhar a cidade das flores de cerejeiras na medida em que o teste do cadete começa. Thomas estava já sendo testado, mesmo sem perguntas direcionadas ao nível Pokémon. Teria que o garoto procurar a melhor resposta e ter em mente que uma mulher grávida tem picos de emoções bem fortes, e isso se aplica ainda ao gênio forte de Thompson.


Off:1001 desculpas pelo atraso. Assumindo a sua rota. Desculpe-me qualquer coisa... Acontece quando assumo rotas já iniciadas x.x
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Seg 25 Ago 2014, 11:29

Rota trancada por inatividade.
Caso queira voltar, poste em pedidos.
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Ter 16 Set 2014, 08:39

A sala era pequena sem muitas coisas, só tinha a Angélica e seu Persian, que se podia ver não era um lugar muito agradável para se fazer um teste, mas era bom, pois tinha um silêncio gostoso, que era muito diferente, do na própria cidade em si. Thomas se mantinha calmo sem demostrar muito sua emoção, só tinha um olhar firme na Angélica, que logo lançara outra pergunta, mas ele não sabia direito o que dizer, nem como soaria se ele disse-se que queria provar para si mesmo e para os outros, que ele não era apenas um rapaz com uma marca Gangster nas costas, mas ele não podia dizer aquilo, pois poderia causar uma grande confusão, pelo fato da família dele ter sido cheia de Gangsters. Então ele ficou em silêncio por alguns instantes, até que lhe veio uma ideia em sua mente, então ele disse calmamente.

- Eu quero me tornar Cadete para que um dia eu possa me orgulhar de ter feito algo de bom para a cidade.

 Ele disse tentando ignorar o fato do Persian continua a rosnar e com um olhar que Thomas podia jurar que queria ver ele morto, mas devia ser só a impressão dele, tudo em volta estava silencioso, ele não sabia qual seria a resposta da Angélica, mas torcia para ser o suficiente, para não ser mandado embora, sem ter a chance de fazer o teste.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Sab 20 Set 2014, 23:10

Off: Mil e uma desculpas x.x
Eu esqueci de ti narrar >.<

O teste havia começado! Era só Angélica – grávida -, Persian e Thomas dentro daquele apertada, porém organizada, sala. O rapaz estava diante da cadete-símbolo do poder que governava Shinki. Embora tivesse uma mistura de sentimentos, nada se comparava com a impressão que o jovem estava tendo de ter que enfrentar as presas de Persian, que insistentemente continuava rosnando para ele, querendo devorá-lo de forma que não pudesse mais nem ser reconhecido. Embora esse sinal fosse forte, Persian não se mexia, apenas permanecia inerte em seu lado do campo, protegendo a sua mestra e o bebê em formação.

A resposta de Thomas para Thompson era analisada. De dedos entrecruzados e um olhar que permanecia fitando o rapaz, a comandante permanecia parada, sem ao menos ter uma resposta. O silêncio era cruel. Angélica parecia analisar cada resposta do rapaz, embora respirasse pesadamente, devido ao seu novo ser formando em seu útero. Quando o silêncio ficou tal angustiador que era possível pedir que Persian rosnasse novamente, a mulher abria a voz, rompendo com o tabu na sala.

- Então o senhor, sr. Peterson, está me dizendo que quer se tornar um cadete para orgulhar o povo dessa cidade? Queira tomar conhecimento que nem tudo são vitórias nessa vida. Há vezes que se perde e só uma grande experiência de vida pode fazer isso se tornar diferente. Não é mesmo? Como pretende superar essa frustração da derrota? – o teste havia começado?

Angélica parecia fazer uma pergunta bem direta para o aspirante a cadete, afinal, como ser mais direto que aquilo? Seria que o teste havia começado naquele instante e Thomas não percebia? Poderia ser que aquilo tudo fosse um teste especial? Diante de tudo, o alívio maior era não ouvir mais o rosnado de Persian...
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Dom 28 Set 2014, 18:34

Só do fato do Persian ter parado de rosnar para Thomas, já era um alívio, mas já com a pergunta de Angélica já fora um pouco preocupante, não se sabia se aquilo já era o começo do teste, ele só queria fazer e impressionar Angélica que era uma coisa quase impossível, então se concentrou, na pergunta que a comandante lhe fizera, tudo estava meio confuso, era estranho para Thomas que alguém fassia perguntas assim esperava que fizessem perguntas para ver o quanto Thomas sabia, mas as perguntas eram bem diferentes, mas ele respondeu mesmo assim com uma voz séria.

- Compreendo, mas sei que a cada derrota eu me levanto e tento novamente, sabendo que não importa o quão difícil, eu ainda tenho chance de conseguir.

 Ele disse calmamente esperando uma resposta fria, ou algo assim, mas ele não sabia se o que ele disse estava correto, mas para ele estava certo, que não importava o tamanho da derrota ele poderia se levantar e continuar tentando. Ele via o olhar da Angélica, não dava para saber o que ela iria dizer, ele se preocupava com o que Angélica poderia dizer, e o silêncio da sala era uma tortura, a cada segundo era uma agonia, tudo poderia acontecer não se sabia o que lhe aconteceria.

 OFF: Não precisa se preocupar.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Seg 29 Set 2014, 12:33

Apesar de tudo, Thomas respondia a comandante. Persian havia parado de ranger os dentes para o aspirante e só isso era um alívio. A Pokémon da morena apenas fitava o participante e agora Angélica analisava a resposta do mesmo. Olhava friamente para o rapaz e parecia absorver o que ele havia dito. Seu olhar tremia um pouco, como se tivesse procurando algo no rosto do rapaz, deixando-o um pouco constrangido. A respiração da capitã era pesada. A sua fase final da gravidez parecia estar tirando um pouco do foco da mulher, que mesmo assim desempenhava as suas funções como ninguém.

- Certo. Irei lhe aplicar o teste. Mas já aviso que não tolero enrolações entre os meus cadetes. Caso faça perder o meu tempo, irei providenciar que o sr. fique ao menos os próximos três meses sem realizar esse exame... – dizia sendo direta.

A mulher passava os seus dedos sobre as fichas ali presentes e logo saia pegando uma por uma. Até pegou três fichas e entregou ao jovem. Parecia que o teste havia começado de vez mesmo. Persian entortava o seu olhar para Thomas e parecia torcer contra a vitória do rapaz... O teste, como Thomas conhecia, havia começado.


Questão 1

Um cadete e um gladiador preparavam-se para batalhar. O cadete lança a pokeball, liberando o pokemon que domina combinações de golpes elegantes enquanto o gladiador evoca o seu companheiro que com suas mandíbulas tem o hábito de morder qualquer coisa. No início da batalha o gladiador ordena a seu pokemon que diminua a defesa do oponente em um estágio. O policial então contra ataca ordenando ao seu que use a técnica que aumente o ataque em um estágio. Que pokemons foram usados e que movimentos foram executados?

Questão 2

Berries são amplamente conhecidas e possuem grande variedade. Após anos de pesquisas descobriu-se que muitas possuem propriedades medicinais. Faça uma lista com 5 Berries usadas para tratar Status de batalhas e um item correspondente.

Questão 3

Supondo que você passe no teste, diga três pokemons que usaria na Arena de Chermont.
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Ter 14 Out 2014, 12:02

Thomas estava calmo, estava pronto para fazer o teste, as perguntas eram bem diferentes do que ele pensava, mas foi fazer assim mesmo, ele leu as perguntas varias vezes então foi responde, ele estava sentindo a pressão de errar o teste, então fez  ele bem devagar, escrevendo tudo o que ele sabia.

 Questão 1

Um cadete e um gladiador preparavam-se para batalhar. O cadete lança a pokeball, liberando o pokemon que domina combinações de golpes elegantes enquanto o gladiador evoca o seu companheiro que com suas mandíbulas tem o hábito de morder qualquer coisa. No início da batalha o gladiador ordena a seu pokemon que diminua a defesa do oponente em um estágio. O policial então contra ataca ordenando ao seu que use a técnica que aumente o ataque em um estágio. Que pokemons foram usados e que movimentos foram executados?

 Questão 2

Berries são amplamente conhecidas e possuem grande variedade. Após anos de pesquisas descobriu-se que muitas possuem propriedades medicinais. Faça uma lista com 5 Berries usadas para tratar Status de batalhas e um item correspondente.

 Questão 3

Supondo que você passe no teste, diga três pokemons que usaria na Arena de Chermont.

 Resposta 1

O cadete usou um Mienfoo, e o movimento Meditate. O Gladiador usou um Totodile, e o movimente Leer.

 Resposta 2

Tem a Rawst Berry que cura queimaduras, a Aspear Berry que cura congelamento, a Pecha Berry que cura envenenamento, a Lum Berry que cura qualquer status, a Cheri Berry que cura paralisia e o Full Heal um item que cura qualquer problema de status.

Resposta 3

 Eu escolheria um Lucario, pois ele pode localizar qualquer coisa em volta com o poder da aura, um Dugtrio, pois ele pode desviar dos ataques cavando e atacar qualquer coisa no chão ou no céu, e um Gasthy, pois ele não recebe danos de ataques normais, flutua e pode atravessar paredes.

 Depois que Thomas respondeu cuidadosamente as perguntas, ele entregou o papel para Angélica sem dizer nada, esperando que ela lesse o que ele escreveu e anotaria o que esta certo e se tem algo errado, que era uma coisa para o que Thomas torcia era que tudo estivesse certo.
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Ter 14 Out 2014, 14:57

O aspirante a cadete respondia para a capitã. Angélica mantinha a sua postura de capitã seria, embora a gravidez fizesse gastar um pouco mais de energia. A comandante olhava friamente, assim como sua gatuna, que desejava que sua mestra enviasse Thomas para ela cuidar. Mas diante das primeiras perguntas respondidas, Angélica passou a lê-las e assim começava a olhar cada parte e cada vírgula. Parecia que a capitã estava avaliando tudo.

- Sr. Peterson, quero que esteja ciente que Cadetes não podem enfrentar nenhum desafio nas Arenas. Queremos cadetes nas mais variadas missões e não tirando a sorte em lutas desnecessárias – dizia rispidamente. – Não posso aceitar essa questão 3.

A mulher parecia severa no falar e no olhar. De fato era uma questão pegadinha e Thomas havia caído nela. Angélica parecia apertar ainda mais a situação para o jovem aspirante a cadete, mas mesmo assim ela parecia continuar com o teste e pegava mais questões para que fossem respondidas.

- Espero que você não me desaponte de novo.


Questão 4

Dos grupos citados abaixo qual a opção que NÃO contém iniciais dos cadetes?
( ) Subame - Kimori - Chikorita
( ) Sleep - Delvil - Hikozaru
( ) Gliger - Arbo - Yomawaru

Questão 5

Das cidades de Shinki, qual é a que atende pela seguinte descrição:

"Possui prédios altos e lindíssimos, as ruas bem largas e asfaltadas. As construções tem um aspecto futurístico, sendo cheia de luzes, construções altas e algumas um pouco bizarras. Muitas plantas e musgos por todos os lados. É a 2° maior cidade do continente, mas é a cidade mais poluída."

( ) Nyender
( ) Twister
( ) Grung
( ) Mengun

Questão 6

Qual desses grupos de pokemons possui a probabilidade de nascimento macho/fêmea em 88/12 e 50/50 respectivamente?

( ) Pokabu/Glameow
( ) Treecko/Houndour
( ) Porugly/Meowth
( ) Hikozaru/Tsutarja
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Thomas_Peterson em Ter 14 Out 2014, 16:54

Thomas olhava  para o papel esperançoso, mas ao ouvir o que Angélica disse, trouxe um desanimo imenso, que dava vontade de sair da sala e morrer em um cantinho, mas ele continuou lá pronto para continuar o teste, ele pegou a folha proto para fazer leu e releu cada palavra, então respondeu.

 Questão 4

Dos grupos citados abaixo qual a opção que NÃO contém iniciais dos cadetes?
( ) Subame - Kimori - Chikorita
( ) Sleep - Delvil - Hikozaru
(X) Gliger - Arbo – Yomawaru

 Questão 5

Das cidades de Shinki, qual é a que atende pela seguinte descrição:

"Possui prédios altos e lindíssimos, as ruas bem largas e asfaltadas. As construções tem um aspecto futurístico, sendo cheia de luzes, construções altas e algumas um pouco bizarras. Muitas plantas e musgos por todos os lados. É a 2° maior cidade do continente, mas é a cidade mais poluída."

( ) Nyender
( ) Twister
( ) Grung
(X) Mengun

Questão 6

Qual desses grupos de pokemons possui a probabilidade de nascimento macho/fêmea em 88/12 e 50/50 respectivamente?

( ) Pokabu/Glameow
(X) Treecko/Houndour
( ) Porugly/Meowth
( ) Hikozaru/Tsutarja
Thomas_Peterson
Thomas_Peterson


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Ayzen em Qua 15 Out 2014, 12:12

Apesar do desanimo causado após perder uma questão do teste, Thomas parecia querer desistir de tudo e sair dali como se nada estivesse acontecendo e ir para fora, se matar. Um pensamento um pouco dramático, vendo que mesmo diante do seu erro, existiam outras questões para compensar. Embora Angélica odiasse erros, pois isso significava que os seus participantes estavam atrasados e mal acostumados, o jovem olhava para a capitã e continuava o teste, respondendo. Persian era a maior intimidadora da sala e encarava o aspirante a cadete com um olhar nada agradável. Embora ela tivesse certeza que o aspirante iria ser perder, Thomas persistia.

- Bem... Dessa vez estão corretas. Mas mesmo assim esperava mais de alguém que diz querer ser cadete.

A morena era ríspida em seu teste e não dava brecha para Thomas se sentir vitorioso ao acertar alguma questão. Pegando novas fichas, Thompson olhava ao redor e encontrava mais perguntas, deixando à vista do jovem.


Questão 7

(lógica)
a)Staryu, Tentacool, Squirtle e Ponyta. Qual desses não pertence ao grupo? Disserte.

b)Skarmory, Scizor, Magnemite e Beldum. Qual desses não pertence ao grupo? Disserte.

Questão 8

Você está em perseguição de um Gangster e ele é fruto de uma missão. Você o persegue até a rota 1, onde o fugitivo foge de vista. No final, encontra uma senhora, camponesa, que carrega consigo um cesto pesado e claramente precisa de ajuda. O que você faz? Justifique a sua resposta
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

Teste: Esperando uma chance. Empty Re: Teste: Esperando uma chance.

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 1 de 2 1, 2  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum