Pokémon Shinki Adventures RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Hi no Meiro: Reino de Giratina

2 participantes

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Dom 02 Nov 2014, 18:38

Mais um oponente assumia o campo. Oponentes demais para o gosto de Morfeu, mas ao menos, se seus cálculos estivessem corretos, não deveriam faltar muitos para que o estoque do individuo terminasse. Ao perceber que a nova oponente não gostava do mercenário, Drowzee cogitou a possibilidade dela pertencer a algum prisioneiro, mas não faria sentido, visto que se fosse, teria sido mandada junto com os outros três companheiros da loira.

O novo Flash cegava a todos, reduzindo ainda mais a precisão. Sem ver, o golpe elétrico ia de encontro com a onda do Surf, que varria também a fumaça que, tecnicamente, Quilava devia ter mandado. A Pokémon, no entanto, ignorou seu mestre e simplesmente deitava. Ficava claro o motivo de ter sido a última ser colocada em campo.

O primeiro Psychic de Kadabra era evitado pelo Protect. O Psychic de Drowzee moldava a onda novamente, mandando-a contra os três adversários. Vendo o golpe se aproximando, Kadabra usou Psychic, conseguindo fazer o golpe desviar dele, mas não protegendo Magnemite e Quilava, que eram atingidos, ficando congelados quando a água foi envolvida pelo Ice Beam.

A água congelava com o Ice Beam, deixando Quilava e Magnemite congelados. O homem olhou furioso enquanto Kadabra recuava alguns passos, sendo retornado em seguida para a esfera antes de ser liberado novamente. Agora com o Teleport novamente habilitado. Eduard tentou pegar Ísis novamente, a garota, no entanto, ela o chutou no estomago, o forçando a se afastar, deixando claro que não pretendia se deixar ser levada tão facilmente. O mercenário a encarou com raiva, antes de mirar Alice mais uma vez.

-Isso terá volta!

A voz soava quase num rosnado, deixando clara a ameaça. Ísis puxava a corda que ele havia amarrado nas algemas, o desequilibrando e conseguindo pegar a mochila. Ele novamente atacou a jovem, atingindo-a no rosto e lançando-a para longe, antes de Kadabra ficar ao lado e ambos sumirem com Teleport, conseguindo escapar antes que alguém pudesse impedir.

Ísis respirou fundo, massageando o local atingido, fazendo uma careta de dor, mas já revirava a mochila do homem, resmungando por ter dificuldades de encontrar a chave, devido a falta de liberdade das mãos. Os olhos verdes mirando os três Pokémon nocauteados que a pertenciam, com clara preocupação, o que fazia sua pressa pela liberdade aumentar.

Hora da Batalha
Condições da batalha: Interior do Hi no Meiro. Várias fontes de água fresca próximas das paredes. Iluminação dependendo inteiramente de Umbreon e Bubble. Corpos dos Pokémon sacrificados mais atrás.

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Vaporeon_verde
Vaporeon/Nereu
Lv.05
Trait: Hydration
100%, Status: Normal
Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 96
Drowzee/Morfeu
Lv.18
Trait: Insomnia
100%, Status: Disabled Desabilitado
Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 164
Noctowl/Bubble
Lv.20
Trait: Tinted Lens
100%, Status: -1 Def
Vs.
Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 156
Quilava
Lv.20
Trait: Blaze
13%, Status: Frozen, treinador abandonou a luta
Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 81
Magnemite
Lv.18
Trait: Sturdy
48%, Status: Frozen, treinador abandonou a luta
Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 64
Kadabra
Lv.20
Trait: Inner Focus
52%, Status: Fugiu

Exp no Próximo Post
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Dom 02 Nov 2014, 23:58

Morfeu's POV

Ver Quilava se deitando e ignorando os comandos do caçador de recompensas esclarecia muitas perguntas do motivo dela ter sido enviada somente agora. No entanto isso não reduz a força de nossos ataques contra ela e seus parceiros. A liberdade de Alice ainda está em jogo e eu não pegarei leve enquanto houver um adversário em pé.

Estou tão concentrado em manter a água enquanto Vaporeon a congela que demoro a notar a briga entre Ísis e Eduard. Tanto que só reparo no que ocorria quando ele ameaça Alice, jurando vingança e desaparecendo o Teleport de Kadabra que, só nesse momento, percebo que não estava na água. Tentei impedir sua fuga, já que a cabeça daquele ser não deveria seguir sobre seus ombros, mas fui lento. Ele escapou... Tento não me desanimar, já que ele jurou vingança... Isso significa que um dia nos reencontraremos e, neste dia, eu terei minha própria vingança...

A outra prisioneira, que foi deixada para trás, massageava o rosto e revirava a mochila abandonada, possivelmente atrás das chaves. Vejo a loira mirar seus pokémons de forma insistente e sei o que ela deve estar pensando... Eles estão fracos e precisam de atendimento. O tempo dela é curto e estar algemada não deve facilitar sua vida.

Alice se aproxima da esfera de gelo, deixando os dedos entrarem em contato com a superfície e mancharem o cristal com o sangue que ainda carregava. Seus olhos estão fixos em Quilava. Pressinto que ela irá levá-la... E pressinto que isso não me fará bem... Quilava não me parece ser o tipo de Pokémon que se aliaria a mim para libertar Alice de sua prisão. Ela parece ser... Desobediente demais...

- Bubble. - A coruja na mesma hora pia e mira minha criança, esperando sua ordem. - Pegue as chaves.

Levo talvez um segundo para entender do que ela falava, mas então vejo Bubble pousar em frente de Ísis, puxando a mochila com sua pata e mirando o objeto com o Foresight. É... A mania de procurar itens inúteis acabou sendo um bom treinamento. Não demora muito para ele enfiar a cabeça no objeto e sair com as chaves no bico, esticando-as para a loira. Fico atento ao desenrolar da situação, pois não conheço essa garota e, se ela possui um cartaz de procurada, alguma coisa ela fez... Não é?

- Tire-os daí. - Alice ordena e meus olhos queimam com o Psychic. Tento quebrar a barreira de gelo, torcendo para que os pokémons abandonados não nos ataquem. Alice logo começa a desenhar exatamente quatro estrelas no chão, confirmando minhas suspeitas de que ela pretende poupar Quilava. Realmente não consigo prever boas coisas disso... Quando minha Senhora pede para Bubble localizar a Pokébola da Fire, só posso rezar para Giratina me ajudar nessa situação delicada. Suspiro fundo, ciente de que o Pokémon que criará o caos de Arceus não é exatamente a melhor fonte para se pedir paciência, e volto a me concentrar em quebrar o gelo. Se eles ainda estiverem em pé, usarei meu Hypnosis em Magnemite e Bubble seu Psychic em Quilava.
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Ter 04 Nov 2014, 01:53

A desobediência da Pokémon Fire esclarecia algumas duvidas, mas nem por isso Morfeu reduziu seus esforços para terminar com a batalha. A liberdade de Alice dependia disso, sendo mais importante do que qualquer outra coisa no mundo.

A concentração de Drowzee no ataque era tanta, que levou algum tempo para ele perceber alguns fatores do que acontecia ao seu redor. Kadabra conseguiu fugir com seu mestre, pouco depois do mercenário jurar vingança. Por mais que desejasse eliminar Eduard, Morfeu não se desanimava, afinal o mercenário deixou claro que voltaria, e neste dia, o Pokémon Psychic poderia terminar o que havia começado.

Ísis revirava a mochila, atrás das chaves das algemas, enquanto Alice se aproxima da pedra de gelo. Os dedos sujando a superfície fria, enquanto os olhos se fixam na Pokémon, o que deixa seu inicial aflito. Quilava demonstrou ser desobediente, não parecendo ser do tipo que se aliará a ele. Provavelmente dará mais problemas do que a Vulpix ou o pequeno Growlithe...

Bubble se aproximava da loira, enfiando a cabeça na mochila do mercenário e retirando-a com as chaves. Ísis sorria, agradecendo o Pokémon, para depois conseguir se livrar do metal que dificultava sua vida. Os pulsos claramente marcados e com algumas feridas, mas a expressão de alivio ainda era visível.

-Valeu grandão...

A garota dizia, antes de revirar mais uma vez a mochila de Eduard. Morfeu ficava atento, o que era justificável, visto que Ísis não devia ser tão indefesa quanto havia aparentado, afinal, o cartaz de procurada não devia ser meramente decorativo. No entanto, Alice logo ordenava para que Morfeu quebrasse o gelo.

Os olhos do Drowzee se tornavam azuis, começando a fragmentar o bloco de gelo. Não era tão difícil, mesmo estando numa temperatura mais agradável, o Hi no Meiro ainda era quente. Mais estrelas eram desenhadas no chão, e para o desagrado de Morfeu, não eram cinco. Após algumas rachaduras, Quilava acendia suas chamas, o que parecia acelerar o processo e o gelo terminasse de ser quebrado. A Fire se sacudia um pouco, livrando-se ainda de alguns pedaços de gelo, Magnemite parecia confuso com o que fazer.

Bubble entregava todas as esferas que encontrou para Alice, junto com uma carteira, enquanto o resto da mochila estava com Ísis, que jogava diversos itens considerados inúteis por ela em direções aleatórias, como: roupas, celular (que se partia ao ser jogado no chão), um gravador de bolso que recebia o mesmo destino do celular, além de alguns cartazes. Havia diversos cartazes, incluindo o de Alice, de uma garota chamada Lucia Percival, Daren Shomari e Galatea Grey, bem como um de Ísis, e embora o valor dela fosse o menor se comparado aos outros, as escritas de “procurada por assalto a mão armada” não podiam ser facilmente ignoradas por Morfeu. A loira pareceu não se importar com um cartaz com sua cara e uma recompensa bem a mostra, sorrindo quando retirou uma espécie de pastilha amarela de um dos bolsos, entregando uma para cada Pokémon seu. Os três monstrinhos acordavam e se erguiam.

O trio se reunia ao redor da procurada, o golem ignorando totalmente a calça que atingiu sem querer sua cabeça. Axew pegava um lenço e se limpava, sendo possível visualizar uma colocação diferente nas regiões que ele limpava.

Quilava era nocauteada pelo Psychic de Bubble, Magnemite adormecia por causa do Hypnosis. As estrelas eram finalizadas e aguardavam os sacrifícios. Ísis observava curiosa, se aproximando com alguma cautela, tentando ver melhor o que a religiosa estava fazendo e em duvida sobre se pronunciar ou não naquele momento.

Hora da XP!

Morfeu ganhou 4420 de EXP!
Morfeu foi para o lvl 23!
Morfeu quer aprender Meditate, mas ele já possui 6 moves. Quer que ele esqueça um ataque para aprender Meditate?

Bubble ganhou 3400 de EXP!
Bubble foi para o lvl 23!
Bubble quer aprender Confusion, mas ele já possui 6 moves. Quer que ele esqueça um ataque para aprender Confusion?

Nereu ganhou 3400 de EXP!
Nereu foi para o lvl 15!
Nereu quer aprender Water Gun e Quick Attack, mas ele já possui 6 moves. Quer que ele esqueça algum ataque para aprender um novo?

Munchlax ganhou 1989 de EXP!
Munchlax foi para o lvl 20!
Munchlax quer aprender Screech, mas ele já possui 6 moves. Quer que ele esqueça algum ataque para aprender Screech?

Ralts ganhou 1530 de EXP!
Ralts foi para o lvl 15!

+9000Pk$ para Alice

Ficha será atualizada em breve.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Sex 07 Nov 2014, 15:07

Morfeu's POV

Muita coisa parece acontecer ao mesmo tempo, tornando difícil não permitir a nenhum detalhe escapar. No entanto não me permito falhar, afinal é a segurança de Alice. Jamais permitirei que algo aconteça à minha criança...

Enquanto Bubble se aproxima com Pokébolas e uma carteira, entregando tudo para Alice, Ísis liberta seus pulsos que, só neste momento, percebo estarem feridos. Ela, no entanto, parece não se importar. Jogando tudo o que encontrava para o lado, a outra procurada pegava algumas pastilhas amarelas, aplicando o medicamento em seus pokémons. Logo percebo Umbreon, Axew e Golett em pé. Instintivamente fico atento. Quilava e Magnemite não são ameaças. Axew parece mais preocupado em se limpar e, conforme o faz, percebo sua coloração distinta. Isso não me agrada... Mais um Shiny para atrair mercenários...

Usando meu Psychic, faço o cartaz de Ísis flutuar em frente aos meus olhos, analisando-o o mais detalhadamente possível. A miro de canto de olho, deixando claro que não confio nela. Assalto a mão armada? Ela não é tão inocente quanto aparenta, tenho certeza disso. Alice, entretanto, mantem-se de costas, acendendo as velas que estão na extremidade de cada nova estrela com calma e delicadeza. O sangue nas mãos ainda líquidos, devido a temperatura elevada.

- Posicionem-os.

Alice ordena. Sem deixar o cartaz cair, uso o Psychic para mover Magnemite e Zorua, enquanto Bubble posiciona Glaceon e Frillish. Cada um no centro de uma estrela diferente. Sem demorar muito procurando, Alice encontra a pokébola de Quilava entre as esferas entregues por Bubble e a recolhe, guardando a pokémon no bolso de sua calça. Ainda sinto falta da capa que a deixava tão nobre, mas não posso negar sua beleza nesses traços tão simples.

Em pé, de frente para Magnemite, minha senhora ergue as mãos e reza para Giratina, invocando o senhor do caos. Pouco depois, a lâmina negra e vermelha se enterra no olho do elétrico, rompendo suas ligas e derramando o sangue prateado. O processo se repete em frente à Frillish e em frente ao Zorua. Não miro o ritual que talvez me devolva Alice. Miro, no lugar, o cartaz de minha Senhora. Sinto vontade de rasgá-lo, mas logo percebo Umbreon o mirando. Ambos nos olhamos. Ele com o cartaz da minha criança e eu com o cartaz de sua dona.

- Agradeça à Giratina.

A frase estranha ganha nossos olhares e nos voltamos a tempo de ver Alice segurar sua adaga pela lâmina ensanguentada e esticá-la em uma oferta para Ísis. A oferta é clara. Alice a convida para ser uma Giratinista. Em frente ao Glaceon, último pokémon vivo, a loira tem que tomar sua decisão. Se não fossem os sacrifícios, não estaríamos lá e certamente não a teríamos salvo. Giratina nos colocou em seu caminho e agora, através de Alice, ele a chama para ser uma fiel. Mais uma fiel a construir seu reino e, assim, construir o berço de Arceus. É um caminho sem volta esse...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Dom 09 Nov 2014, 01:22

Morfeu se esforçava para acompanhar tudo o que acontecia, mas eram tantas coisas acontecendo que se tornava difícil de acompanhar, todavia, ainda conseguia impedir que as coisas passassem despercebidas.

Mais esferas eram entregues para Alice, junto com um bolo de dinheiro. Ísis se libertava, ignorando os pulsos feridos enquanto revirava as coisas do mercenário, até encontrar os itens que colocariam seus companheiros de pé mais uma vez. Morfeu ficou atento no mesmo momento, não gostando quando descobria que Axew também era Shiny.

O cartaz da loira ganhava atenção do psíquico, que analisava detalhadamente. O preço era relativamente baixo, custando apenas 850Pk$, mas a possibilidade da garota possuir uma arma de fogo deixava claro que ela não era tão indefesa. Umbreon, por outro lado, analisava o cartaz de Alice, parecendo surpreso com o valor da mesma e a encarando com alguma desconfiança.

Os novos sacrifícios eram posicionados nas novas estrelas. Quilava era retornada para a esfera, sendo logo guardada. Novamente a reza para Giratina, realizando os novos sacrifícios. Ísis se aproximava curiosa, tentando entender a estranha mulher. Golett parecia inalterado, permanecendo em silêncio. Axew continuava se limpando e mostrando suas verdadeiras cores. Morfeu encarava com puro ódio o cartaz de sua senhora, observando depois o Pokémon Luar.

Umbreon e Drowzee se perdiam, se encarando com desconfiança. Nenhuma de suas senhoras eram tão inocente quanto pareciam, mas ambos acreditavam que eram e tinham o desejo de protegê-las. Desviaram o olhar apenas quando Alice se pronunciava, que fazia a oferta para a procurada.

Ísis parecia surpresa com a ação, claramente não esperava que alguém estendesse uma arma para ela, não após ter sido dito que era procurada. Os olhos esverdeados miraram o Glaceon inconsciente, o Pokémon que havia distraído os seus por um tempo, permitindo que Kadabra agisse. Alice foi buscar sacrifícios, colocando-a no caminho de Eduard, e consequentemente, da loira. Se não fosse pela religiosa, a menor com certeza teria sido arrastada até Kalled City e estaria sendo presa. Parecia que Giratina havia traçado o caminho da religiosa até a adolescente.

A loira estendeu a mão, segurando o cabo da adaga suavemente e mirando o sangue por alguns instantes. Parecia refletir, mirando Alice mais uma vez antes de voltar a mirar o Pokémon Ice. Os passos cuidados, tentando não pisar nas linhas da estrela, até que Ísis finalmente chegou perto o suficiente de Glaceon, se abaixando, um dos joelhos tocando levemente no chão, enquanto os dedos acariciavam de leve o pelo azulado, parando após sentir o coração batendo. A lâmina novamente se erguia e sangue se espalhava, ceifando a vida de Glaceon. O sangue fresco escorrendo pela ferida, sujando a sola das botas e o joelho da jovem.

Mais quatro almas eram entregues para Giratina, três delas pelas mãos de Alice, enquanto Ísis entregava a primeira alma para o lendário Pokémon.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Seg 10 Nov 2014, 15:47

Morfeu's POV

Ísis ceifava uma vida. Seria essa sua primeira alma enviada para Giratina? Imagino que ritualisticamente sim, mas não posso garantir que seja realmente o primeiro ser a padecer nas mãos da loira. Ainda não a conheço e muito menos confio nela. Não posso baixar a guarda.

- Vamos.

Alice, após retirar a lâmina do peito de Glaceon, afastando as mãos de Ísis, chamava a todos para acompanhá-la. Não sei até onde seu chamado se estende, mas observo o comportamento de todos ao redor. Nereu, sem pudores e percebendo que voltaremos a caminhar por pontos mais quentes, retorna para sua pokébola sem ser chamado de volta. Bubble ainda parece procurar itens de valor entre as rochas. Já os Pokémons da loira procurada parecem aguardar uma decisão dela.

Eu? Reassumo meu lugar de direito: ao lado de Alice, mirando todos com claro interesse em suas decisões. Uso meu Psychic para fazer picadinho dos cartazes, depois invado rapidamente a mente de Alice e, não posso negar, me animo ao saber que sairemos desse lugar quente. Inúmeros sacrifícios foram feitos, mas sinto que é hora de voltar para Kalled.
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Seg 10 Nov 2014, 19:30

Morfeu refletia por alguns instantes, assistindo o sacrifício que a loira realizava diante de todos. Não sabia se aquele era o primeiro ser que tinha a vida retirada pelas mãos da garota, afinal, era uma criminosa. O cartaz de procurada não era à toa, mas mesmo sendo caçada, não dava para ter certeza se havia ou não ferido alguém. O Pokémon psíquico não confiava na garota, não a conhecia, então se manteria atento.

Alice se pronunciava, retomando sua adaga. O chamado deixando duvidas de quantos ela realmente chamava ou não, mas por precaução, Morfeu mantinha-se atento. Vaporeon, querendo fugir do calor, retornava para sua esfera. Bubble voltou a caçar objetos. Ísis pegava sua mochila de volta, estando claramente velha, esburacada e cheia de remendos de outras cores, parecendo aliviada após avaliar brevemente se todos os seus pertences estavam ali, antes de colocá-la nas costas e seguir a religiosa mais velha. Umbreon seguia ao lado da garota, não questionando a sua mestra. Golett, assim como Vaporeon, voltou por conta para a Pokébola, enquanto Axew andava junto com o grupo e parecia divagar em voz alta, as palavras sempre corretamente proferidas e utilizando a norma culta do idioma.

Morfeu ficava ao lado de sua mestra, embora mirasse a decisão dos outros com interesse. Estava feliz por saber que o objetivo era a saída do local. Os anéis de Umbreon iluminavam levemente, não sendo tão eficiente quanto o Flash, mas a coruja parecia querer testar sua visão na escuridão mais algumas vezes.

Os passos eram os únicos sons audíveis, além das palavras de Axew, que ainda divagava e falava de forma difícil. Conforme se afastavam das fontes de água, saindo da área mais fresca daquela caverna, o dragão se desanimava e voltava para a esfera, para agrado de Morfeu e Umbreon. Novamente uma divisão de caminhos, podendo seguir para norte, sul, seguir em frente, ou retornar. O Pokémon Luar observou a direção sul, parecendo temeroso, mas a loira logo acariciava seu pelo, acalmando Umbreon antes de mirar Alice com curiosidade.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Ter 11 Nov 2014, 13:58

Morfeu's POV

Golett e Nereu retornaram para suas devidas Pokébolas, enquanto o Axew começava a discursar. Tive de me controlar para não jogá-lo longe, pois com tanto falatório mal conseguia ouvir meus próprios pensamentos. Sério, não entendo o que ele teria de tão importante para ficar falando e, principalmente, por que falar dessa forma?

Com o brilho dos anéis de Umbreon, Bubble parecia ter se esquecido de sua função de iluminar a caverna. Ele estava muito ocupado testando sua visão noturna a procura de itens. Outra cosia que não entenderei tão cedo... Por que ele quer tanto colecionar itens sem real utilidade? Algumas coisas não possuem explicação, mas enfim.

Percebo que Ísis, com sua mochila de retalhos, está nos seguindo, assim como seus Pokémons. Reflito que a loira não deveria ser uma assaltante muito boa, a julgar por suas roupas e mochila remendada. Umbreon parece receoso, sempre olhando para trás, possivelmente em busca de algum atacante ou acreditando que alguém ousaria nos emboscar. Sinto avisar companheiro, mas não enquanto eu estiver aqui.

Os caminhos se bifurcam mais uma vez e forço minha memória para tentar lembrar qual era a direção da saída. Algumas marcas me levavam a crer que o Norte era nossa direção. Se estou certo, foi desta direção que viemos após pegar Vulpix. Isso provavelmente irá entristecer Bubble, pois, se eu estiver certo, ele já terá vasculhado esta região. Logo, ou ele acha itens que deixou passar antes, ou ele não achará nada. Quando miro a coruja, no entanto, percebo que não fará diferença, pois ele não está prestando atenção no caminho mesmo... Suspiro pela enésima vez e volto a caminhar. Logo logo estaremos na saída, se Arceus assim quiser... Ou Giratina...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Ter 11 Nov 2014, 14:55

Axew parecia testar os nervos do Drowzee com seu falatório. Os pensamentos interrompidos pelas falas difíceis do dragão, que levantava a duvida da razão de falar de tal forma. Umbreon parecia mais acostumado, mas revirava os olhos e claramente pedia paciência ao lendário responsável por esta dádiva, se é que existe algum.

O caminho levemente iluminado continuava seguindo. Bubble continuava sua procura por itens, piando alegremente quando encontrou o que parecia mais uma colher torta, algo que parecia não ter explicação para Morfeu.

Durante a caminhada, Drowzee refletia sobre a loira, acreditando que ela não devia ser uma assaltante muito boa, ou não se arriscava e roubava lugares menores, afinal, a recompensa por ela não era muita.

Na nova bifurcação, o psíquico buscava em sua memória o caminho que já havia feito. Provavelmente este fator entristeceria a coruja, mas esta parecia não reparar no caminho. A esperança de sair logo crescia a cada novo passo, mas o calor e os corredores longos eram fatores desanimadores, além de irritantes e cansativos.

Noctowl novamente comemorava, pegando uma pedra e colocando na mochila da Alice, para surpresa e desagrado de Morfeu. No entanto, não parou para discutir. Sair daquele inferno era mais importante. O caminho era feito em silencio, quando o som de mordidas em algo duro chamou a atenção. Ainda seguindo em direção a saída, o grupo se deparou com uma Aron que fazia um lanche, mastigando uma pedra.

print item 1
print item 2
print do poké
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Qui 13 Nov 2014, 09:01

Morfeu's POV

Ok... Agora Bubble coleciona pedras... Preciso me lembrar de me livrar delas quando retornarmos para o hotel... Simplesmente balanço a cabeça, feliz por poder ouvir meus pensamentos agora que Axew retornou para a pokébola, e volto a analisar todos ao meu redor. Não posso evitar perceber que Umbreon parecia familiarizado com a atitude do dragão e isso me preocupa. Eles realmente pretendem nos seguir? Afinal, isso quer dizer que também terei de me acostumar com Axew... Realmente não me agrada.

Ao longo do caminho, escuto o som de algo duro sendo mastigado e logo uma Aron entra em nosso campo de visão. Claramente era muito jovem, mas até que parecia saudável... No entanto algo me diz que Alice não tem interesse nessa e, após tantos sacrifícios, acho que voltar para Kalled é mais importante.

- Pegue-a.

E com essa simples ordem, que faz meu corpo reagir instintivamente, Alice me prova que estava errado... Minha criança já está com uma Pokébola em mãos e percebo que ela pretende realmente pegar a Aron. No entanto ela já está com 8 pokémons... Só posso acreditar que ela pretenda guardá-la para sacrificar mais tarde... Mas depois descubro isso. O calor está aumentando de novo e tudo o que quero é chegar em Kalled, então uso imediatamente o Psychic, já me preparando para o segundo caso seja necessário, e terminar logo com essa mais nova "captura" de filhotes.
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Qui 13 Nov 2014, 18:45

Morfeu anotava mentalmente a tarefa de jogar fora as pedras, que estranhamente, seu companheiro de time parecia querer colecionar. Pelo menos, Axew estava na pokébola, possibilitando para o Pokémon voltar a ouvir seus pensamentos. O fato de Umbreon parecer acostumado com aquela mania preocupava, despertando a duvida de quanto tempo Ísis iria seguir Alice.

A Aron entrava no campo de visão, logo sendo analisada por Morfeu. Parecia ser jovem, provavelmente não havia nascido a muito tempo, mas demonstrava saúde, acompanhada de uma fome voraz, visto que a Pokémon ignorou todos para continuar comendo.

Por alguns instantes, o psíquico refletia que sua mestra não iria querer nada com a Pokémon. Muitos sacrifícios foram feitos e voltar para Kalled era importante, mas Alice logo demonstrava que ele estava errado. Com uma esfera em mãos e apenas uma palavra, os olhos de Morfeu brilharam num Psyhic. A pequena Aron reclamou quando foi erguida pelos poderes psíquicos, tentando voltar para seu lanche, antes de ser nocauteada por um único golpe.

Com a Pokémon caída no chão, a esfera bicolor a envolvia e capturava. Com nada mais a ser feito, voltaram a seguir o caminho já conhecido por Morfeu, tentando reencontrar a saída.

Hora da XP!
Morfeu ganhou 3 de exp pela vitória!

Aron capturada e nos slots de sacrifício.

Ficha será atualizada em breve.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Sex 14 Nov 2014, 21:07

Morfeu's POV

- É... Muito bem Drowzee, derrubou a bebê Aron.

Sentia Ísis dar tapinhas de congratulações em minha cabeça e meu ser se contorcia para afastá-la. O pior foi ver Umbreon rindo mais atrás. Possivelmente ele já pressentia que Alice parecia cuidar de Ísis e que, portanto, eu estava impedido de agir. Mas mesmo assim mirei ele de canto de olho, tentando deixar claro que ele deveria agradecer por ser imune ao meu Psychic.

Sacudo a cabeça e me afasto da loira, voltando a liderar o caminho que estamos trilhando e rezando para estar no caminho certo. Bubble ainda está caçando itens, talvez na esperança de achar algum que considere útil. Já eu rezo para ele não achar nada e também rezo para não aparecerem mais bebês. Estou cansado de tantos filhotes e Alice precisa tomar um banho rápido, antes que esse sangue seque na roupa. Gostei do visual e não gostaria de saber que teremos de jogar as peças fora.

- Então, para onde vamos? - Ísis perguntou ao lado de Alice, parecendo um pouco indecisa sobre seguir ou não minha Senhora. Ela claramente não parecia acreditar que uma giratinista simplesmente apareceu em seu caminho e a protegeu. Pois é Ísis, Giratina existe e está ai para te provar.

- Kalled. - Alice responde serenamente. Ela parece não se afetar pelo calor insuportável que nos rodeia. Eu só suporto isso por lembrar da entrada, por onde passamos por algo assim. Espero que estejamos no caminho certo. Sinto que devemos chegar em Kalled rapidamente...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Sab 15 Nov 2014, 16:36

Ísis dava leves tapinhas na cabeça do Pokémon psíquico, o que o desagradou. Umbreon ria da cena, o que piorou as coisas. O Pokémon era imune aos seus ataques psíquicos, e além disso, Alice aparentemente protegeria a loira. Morfeu não podia fazer nada contra eles, mesmo que quisesse.

Após afastar a procurada, o Drowzee seguia liderando o caminho. Por alguns instantes, quase entrou na direção errada, mas Umbreon o chamava e indicava outra, causando algum desacordo, mas no final, o Pokémon Luar parecia conhecer um pouco melhor a caverna. Bubble encontrava outra pedra, colocando-a na mochila de Alice.

Os passos continuavam seguindo adiante, mas pelo menos, não encontraram nenhum outro Pokémon. Ísis se pronunciava, enquanto a coruja chegava com uma TM, colocando-a na mochila da religiosa. Alice respondia de forma serena. Mais alguns passos e Noctowl encontrava outra TM, a guardando. O corredor se prolongando, quando finalmente ficavam de frente para a saída.

Print 1
Print 2
Print 3
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Alice Sab 15 Nov 2014, 17:08

Morfeu's POV

Ok... Umbreon agora está liderando o caminho... Ísis fica me provocando, dizendo que sou um bom garoto... Alice não faz nada contra isso... Bubble continua colocando pedras na mochila da minha Senhora...

Posso dizer que o auge do meu dia desde que encontramos aquele caçador de recompensas foi encontrar a saída. Finalmente poderíamos ir embora. A rota 21 surgia em nossa frente e Kalled ficava mais perto. Bubble era o primeiro a sair voando, obviamente cansado de ficar confinado naquele ambiente apertado. Umbreon também parecia feliz, esticando-se sob a luz do sol. Quando eu sai, o calor do sol me atingiu, para minha tristeza. Por um instante eu achei que estaria mais agradável do lado de fora... Que tristeza...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Érica Sab 15 Nov 2014, 18:34

Com o Pokémon Luar liderando o caminho no momento, além de algumas provocações por parte da loira, a mais velha não se pronunciando, a coruja pegando mais pedras, o humor de Morfeu não era dos melhores.

Apesar do humor ruim, as coisas pareciam melhorar quando encontraram a saída da caverna. Finalmente saíram daquele local terrivelmente quente! O sol castigava os olhos do grupo, Bubble alçava voou e aproveitava o espaço para voar. Embora o calor dentro da caverna fosse horrível, do lado de fora não era muito diferente. O vento levava grãos de areia consigo, a rota parecia confusa e sem um caminho fixo.

Os passos eram marcados na areia, enquanto a entrada da caverna ficava para traz.

Rota Encerrada. Pode criar tópico na Route 21.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Hi no Meiro: Reino de Giratina - Página 3 Empty Re: Hi no Meiro: Reino de Giratina

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 2 de 3 Anterior  1, 2, 3  Seguinte

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos