Pokémon Shinki Adventures RPG
Gostaria de reagir a esta mensagem? Crie uma conta em poucos cliques ou inicie sessão para continuar.

Erobring City: A Porta para o Inferno

3 participantes

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Conta Fundadora Dom 21 Jun 2015, 00:29

O membro 'Alice' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'Caixa Surpresa' :
Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 CZCDUlR Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 CLhm0px Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 LCFcwPx Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 NEBAds0 Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 SENr19m Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 NEBAds0 Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 P6nN9cv Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 StkobUj Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 CZCDUlR Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 S6xTaL6 Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 4tlS4fL Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 SNOUbQi Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 StkobUj Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 QP1ZN9s Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 VwWZWJF Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 GsEB09x Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 DxpSded Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 YVpcANq Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 LCFcwPx Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 QP1ZN9s

Conta Fundadora


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Dom 21 Jun 2015, 01:03

Kin sentia medo de Ísis, relaxando após a loira se acalmar. O grupo se dirigia até as caixas surpresa, comprando mais algumas e ganhando diversos prêmios. Alguns úteis, outros nem tanto.

De volta para o hotel, todos jantavam e se preparavam para dormir, aproveitando a noite e recuperando as energias. De manhã cedo, após se vestirem, tomaram café da manhã e rumaram novamente para o festival. O último dia em que poderiam aproveitar e brincar, antes de fazer uma oferenda a Arceus e soltar uma lanterna com um pedido.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Dom 21 Jun 2015, 21:10

Mandy's POV

Após um dia de brincadeiras, risos e brigas da Ísis, voltamos ao hotel e dormimos tranquilamente. Morfeu ainda está resmungando, mas deixo ele reclamar sozinho e me aninho com Kin, a colocando para dormir.

Na manhã seguinte, tomamos café de frente para a piscina e, durante a refeição, Ísis começa a mexer na mochila de Alice, sondando as TMs que ganhamos e quais elas quer ensinar. No final, ela pega diversas TMs diferentes e ensina algumas até mesmo para mim.

Depois do café, voltamos para o parque. Primeira parada: gastar o vale do pesque seu Luvdisc. Ísis resolveu tentar esse, já que Penélope agora tem o Luvdisc dela (que diga-se de passagem sou eu quem cuido...). Involuntariamente miro o aquário onde o peixe nada e que agora está em minhas mãos...


TMs:
Akane:
Sunny Day > Sand-Attack
Swords Dance > Nature Power

Hina: Hyper beam

Julie:
Double Team > Sand-attack
Stone Edge > Smack Down
Earthquake > Power Gem
Rock Polish > Mud-Slap
Toxic > Rock Blast

Midgar: Iron Tail

Mandy:
Reflect
Light Screen > Calm Mind

Shinji
Taunt > Screech
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Conta Fundadora Dom 21 Jun 2015, 21:10

O membro 'Alice' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'Luvdisc' :
Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Q8Kdi7k

Conta Fundadora


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 12:34

A noite foi tranquila, sem nenhum acontecimento. De manhã, Ísis ensinava diversos ataques para muitos Pokémon, ficando satisfeita antes de voltar a ver o que possuíam.

Após o café da manhã, todos rumaram para o festival novamente, com a loira indo pescar um Luvdisc e gastar o vale. A pescaria era um sucesso, com a adolescente pescando um macho que já fazia companhia para a outra Luvdisc. Ainda havia um vale para Kimono e três para o dado.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 13:00

Mandy's POV

Morfeu, obviamente, já reclamava da existência de mais um peixe cor-de-rosa, porém isso não impedia Alice de pedir um segundo aquário, já que o primeiro era muito pequeno para comportar dois peixes...

Ao final, Penélope sorria para a peixinha dela, chamando-a de Flora. Eu fico me perguntando por que chamar um pokémon aquático com um nome que tem relação com flores, mas ambas parecem estar tão felizes que deixo quieto. Enquanto isso, Ísis encara o aquário que vai ter de carregar agora, pensando que nome daria para o peixinho que ganhou.

- Vamos nos dados de novo? - Penélope pede já erguendo os vales e ninguém protesta, o que é um milagre. Quando me pergunto se Morfeu está bem, ele diz que só serão os vales, então sim. Eu devia imaginar que seria por causa disso. Esse Pokémon precisa aprender a relaxar mais...


Dado 1: Penélope
Dado 2: Ísis
Dado 3: Kin
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Conta Fundadora Seg 22 Jun 2015, 13:00

O membro 'Alice' realizou a seguinte ação: Lançar dados

'Dado' :
Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 2pOiWXx Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 YXxrLwR Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Ueyiz2U

Conta Fundadora


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 13:10

Agora haviam dois aquários, cada um com um peixe diferente. Penélope chamava a sua Luvdisc de Flora, um nome estranho para um peixe. Ísis ainda estava pensativa, mas optou por pensar depois e ir gastasr os vales para Rode o Dado.

Penélope conseguia um dos menores prêmios, sendo apenas uma Pokébola. Ísis conseguia um Lucky Egg, mas mais uma vez, quem mais impressionava era Kin, que conseguia novamente um Mega Ring. A roedora se mostrava melhor nos dados do que se podia imaginar.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 13:27

Shinji's POV

Se por um lado sinto um pouco de inveja pelo fato do peixe ganhar tanta atenção, por outro fico feliz por ele manter Ísis com os olhos fixos em algo inocente e não nos Don Juanitos que passam por aqui.

O dado novamente dava alguns prêmios interessantes, porém nada gritante e excepcional. O relógio já parecia indicar que era quase hora do almoço e isso impressiona a todos, mas faz sentido... Afinal perdemos algum tempo ensinando ataques depois do café da manhã e antes de sair... No final das contas, rumamos para a área das barraquinhas de comida, onde cada um pegou um bento para si e para cada pokémon (exceto para Lax). Para esse morto de fome, foi comprada a mesma quantidade de comida que foi comprada para alimentar todo o resto do grupo. Ele anda comendo mais que o normal...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 13:43

Shinji ficava aliviado ao ver Ísis prestando atenção num peixe do que nos rapazes ao redor, e depois nela prestando atenção no dado. Tudo, menos nos rapazes ao redor.

Após terminarem os jogos, o grupo começou a almoçar. Uma grande quantidade de comida era comprada, uma porção para cada um, enquanto que Lax recebia essa mesma quantia só para ele. Todos comiam calmamente, não demorando para terminar. Ainda havia um vale para comprar um Kimono, também poderiam jogar alguma coisa ou poderiam fazer a oferenda a Arceus e pensar no que pedir, para quando chegasse a hora de soltar as lanternas.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 14:10

Mandy's POV

Após o almoço, fomos para a barraca dos Kimonos onde gastamos o último vale e compramos mais 3 kimonos além daquele. Penélope escolheu um amarelo com laranja, que ficou uma graça nela, e escolheu para Alice um com estampa de flores grandes muito bonito também. Já Ísis pegou um preto com amarelo claro, que lhe acentuou bem e Souichirou pegou um preto com detalhes em vermelho vivo, sóbrio como sempre.
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 14:30

O último vale era gasto, mas o grupo gastava mais um pouco, adquirindo mais um Kimono para cada um e já os vestindo. Alice usando o Kimono com grandes flores, parecendo encantar ainda mais seu Pokémon. Penélope com o Kimono amarelo, sendo elogiada pela Gardevoir. Ísis com o Kimono negro com amarelo, que deixaria seu Pokémon feliz, se não sorrisse para outro rapaz. Kuzuki, sóbrio como sempre, escolhia algo neutro.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 14:46

Shinji's POV

O que eu preciso fazer para esses menininhos entenderem que Ísis não é para eles? Que coisa séria! Ela é só uma criança! Bando de pedófilos descarados! E não adianta me falar que eles também só tem quinze anos e que é normal rolar paixonites, não me interessa! Já tive que falar isso sete vezes para Mandy parar de me encher a paciência dizendo que eu devia me acalmar e que eu estava parecendo o Morfeu. Não sou nenhum maniaco ciumento! Só não quero Ísis com esses rapazotes aproveitadores.

Quando percebo, estamos todos na estação de trem. Nem sei o que estamos fazendo aqui, mas por algum motivo Hina está fora da Pokébola... Não sei até onde é bom deixar uma Gyarados meio retardada fora da Pokébola em um lugar pequeno... Por outro lado ela serve bem de barreira, então não comento nada.

- Por quê não dá ele pra mim? - Penélope pergunta para Ísis e só agora percebo que o peixinho vai ser doado.
- Porque você não cuida nem da Flora. Quem cuida dela é a Mandy. - Ísis protesta, escrevendo em um papel o nome para quem o peixinho deveria ir.
- Mas eu vou cuidar bem do Ryuko...
- Ryuko? - Ísis pergunta sem entender.
- É o nome que dei pra ele. - Penélope responde de queixo erguido.
- Você não deveria dar nomes para os pokémons de outras pessoas, Pê.
- Mas é que eu queria ficar com ele...

As duas ficam debatendo e eu paro de ouvir, rosnando baixo para que Ísis não ouça e afastando um rapazinho que parecia querer se aproximar. Ai dele! E olha que eu mordo hein! Seria mais fácil bancar o assustador se Lax não estivesse sentado do meu lado dando fim nos aperitivos pokémons que Alice ainda tinha na mochila...


Gyaradosiste: equipar na Hina.
Luvdisc macho: deixar na estação para Susana
1 Houndoomite: deixar na estação para Kyoichi
Para Éris: 3 Naturalball, 13 Pokébolas, 1 Mega Ring, 2 Absolites, 1 Gengarite, 2 Blazikenite, 3 Lucarionite, 2 Swampertite, 1 Galladite, 3 Blastoisinite, 1 Houndoomite, 2 Ever Stone, 2 Dusk Stone, Skrelp
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 15:41

Shinji não queria aceitar que sua mestra era uma adolescente, e que nesta idade, paixonites eram algo realmente comum. O Pokémon Luar nem percebeu quando o grupo foi para a estação e Alice mandava diversos itens para outras pessoas. Ísis e Penélope discutiam brevemente em relação ao Luvdisc, com a menor o querendo e a mais velha dizendo que não daria o Pokémon para Mandy cuidar.

Lax comia todos os aperitivos Pokémon, fazendo Shinji parecer menos assustador para um rapaz que, para sua tristeza, o ignorava e mirava a adolescente, sorrindo para a mesma. Para o maior desgosto do Pokémon, o sorriso era retribuido.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 17:20

Shinji's POV

Sou obrigado a morder o kimono de Ísis e puxá-la quando decidimos ir embora, ou do contrário ela ia ficar lá parada, sorrindo feito uma boba para um bobo qualquer que nem ao menos se aproximava para falar oi para ela (e não estou reclamando, já acho que sorrir é demais para esses dois).

Do lado de fora, vamos até a barraquinha do Mercado e, enquanto Penélope pega um monte de TMs para dar de presente para uma garota que ela achou na Internet e que disse que queria os golpes, o Souichirou fica perguntando o preço e olhando a tabela, sempre verificando para não pagar a mais. Por um instante me parece que ele tá tentando negociar e pagar a menos na realidade... Mas isso não tem importância. Pelo que escuto, quando ele finalmente ficar satisfeito com o preço cobrado e confirmar que não está pagando a mais, vamos até a estação deixar essas TMs para uma tal de Éris.


TMs:
TM 129 Power-up punch
TM 38 Mud Slap
Tm 103 - Smack Down
TM 125 Infestation
TM 67 Bullet Seed
Tm 118 Bulldoze
TM 40 Giga Drain
TM 76 U-Turn
TM 77 Payback
TM 105 Flame Charge
Tm 101 Venoshock
TM 106 Low Sweep
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 17:37

Shinji puxava Ísis para longe, fazendo questão de deixá-la perto do resto do grupo e longe de rapazes. Na barraca do mercado, Penélope pegava vários discos, querendo entregar todos para uma garota conheceu pela internet e que gostaria daqueles ataques. Kuzuki verificou algumas vezes os preços antes de pagar, garantindo que não pagaria um preço extra.

Voltaram para a estação e deixavam os discos para uma pessoa, porém Shinji não se importava. Para ele, o mundo parecia vermelho quando SUA mestra anotando o número de um rapaz loiro.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 19:38

Mandy's POV

Após a entrega das TMs, todos nos reunimos para comer mais um palitinho de dango cada um (dez para Lax), enquanto pensávamos no que pediríamos. Penélope e Ísis logo começavam a desenhar seus pedidos e só nesse momento descubro que a loira lê e escreve ainda menos que minha pequenina Senhora.

Souichirou parece não ficar satisfeito com isso, mas não comenta nada. Imagino que ele vá querer colocar ela para estudar e acho que isso será uma ótima ideia. Enquanto ele começa a pesquisar escolas a distância pelo celular, percebo que Alice está fazendo alguns traços também e noto que ela também não sabe ler e escrever... Isso começa a ficar preocupante...

- Faz um pedido também Mandy.

Penélope me alcança um papel e um lápis de cor e, já que eu também não se escrever, começo a fazer um desenho onde todos estamos juntos e felizes. Quando ergo a cabeça de meu desenho para pegar outra cor de lápis, reparo que praticamente todos estamos desenhando (exceto Souichirou, que escreveu... Afinal alguém tinha que saber escrever...). O desenho de Morfeu tinha vermelho demais pro meu gosto e ver Souichirou morto nele não era exatamente algo impensável... Assim como ver o desenho de Shinji, onde ele era abraçado por Ísis e Akane, não o era...
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 20:30

Mandy se preocupava ao notar que Ísis não sabia escrever, coisa que Penélope também não sabia. Sua preocupação aumentou ao ver que nem mesmo Alice sabia escrever. Kuzuki parecia não gostar nada daquilo, começando a pesquisar sobre escolas totalmente onlines pelo celular.

Todos desenhavam seus pedidos (menos Kuzuki, que era o único a escrever). Alguns pedidos não surpreendiam, como o de Morfeu e Shinji, ciumentos e querendo suas respectivas treinadoras apenas para si. Mandy desejando todos juntos e felizes, Kin querendo ver um grande campo florido. Penélope era mais fantasiada, fazendo um desenho semelhante ao de Mandy, mas neste Morfeu ria. Ísis desenhava um rapaz, provavelmente querendo encontrar um possível namorado, coisa que não agradou muito seu Umbreon. Lax desenhava comida.

Com todos os desenhos feitos, mas ainda não era hora para soltar as lanternas. Ainda havia algum tempo para realizar as oferendas.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 21:02

Morfeu's POV

Com todos os pedidos feitos, cada um procurou algo para oferecer para Arceus antes do encerramento do festival. Tivemos que andar de ponta a ponta do festival para conseguir os itens a serem ofertados: principalmente flores e comida.

Penélope e Ísis fizeram algo com seus novos cursos para dar a Arceus, Kin colocou uma coroa de flores que ela tramou na cabeça da estátua e Lax colocou um prato de bolinhos, roubando um antes de se afastar. Minha criança, por sua vez, havia comprado algo especial: uma caixa surpresa de onde eu tirava um Egg Misterioso.

Longe dos olhos de todos, eu via Alice enterrar a lâmina na casca do ovo, rachando-a por completo. Sangue e um líquido esbranquiçado escorriam da rachadura e eu via um pequeno braço mal formado do que um dia viria a ser um pokémon. Sangue não nascido, essa é nossa oferenda Arceus.

- Onde vocês foram? - Penélope pergunta, já com sua lanterna na mão e no lado mais afastado da cidade, onde diversas pessoas também aguardava. Alice nada dizia, simplesmente passando a mão sobre a cabeça dela, enquanto aceitava a lanterna que lhe era esticada, prendendo no interior seu próprio desejo. Eu a imitava, prendendo no interior da minha lanterna o desejo de me livrar tanto do noivinho quanto do Hypno que em breve eu caçaria.
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 21:39

Todos realizavam suas devidas oferendas, com Kin dando uma coroa de flores, Lax entregando bolinhos (embora comesse um antes de sair), Mandy e Penélope entregando um pequeno buquê de flores. Um a um, os presentes eram entregues, com Alice e Morfeu ficando por último.

Um ovo era deixado aos pés da estátua do Pokémon, tendo sua casca rachada. O ser que não teve a oportunidade de nascer, já sendo enviado para junto do divino. Um liquido esbranquiçado escorria pelas rachaduras da casca, enquanto a Giratinista voltava para junto de Penélope.

Sem ninguém ter visto o que havia ocorrido no templo, Alice se aproximou e recebeu a lanterna de Penélope. Morfeu recebia uma de Mandy. Os pedidos eram presos e aguardavam, as pessoas ao redor começando uma contagem regressiva, quando enfim a primeira lanterna subiu.


Uma a uma, as lanternas subiam, flutuando gentilmente pelo céu, parecendo dançar delicadamente umas com as outras. Algumas mais coloridas, outras mais discretas. Penélope sorria e apontava, enquanto Ísis tocava em uma que descia e a ajudava a tentar substituir as estrelas.

Um show de luzes e cores, com as lanternas seguindo seu caminho e parecendo querer se juntar as estrelas. Uma visão esplêndida, rodeada por um ambiente calmo e amistoso. A paz reinava e parecia que mais nada importava.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Alice Seg 22 Jun 2015, 22:33

Morfeu's POV

As lanternas subiam em direção ao céu escuro da noite, iluminando-o de uma forma muito bonita. Percebo Ísis e Penélope rindo, bem como Mandy e Shinji. Kin ainda está na cabeça de Souichirou e parece realizada com a visão que está tendo, obviamente sem nem ao menos pensar no antigo dono.

Olho para o lado, em busca de Alice, a fim de desfrutar do momento, porém o olhar dela está estranho. Ela não mira as estrelas nem as lanternas. É como se ela olhasse para algo além das luzes e isso faz com que eu olhe para cima em busca do que ela está vendo.

Após alguns minutos procurando, volto a mirar Alice, porém ela está se afastando de nós. Ela não chamou ninguém... Simplesmente saiu andando. Eu a chamo, mas ela não para. Rapidamente me viro para segui-la só para descobrir que ela está andando meio rápido demais, apesar dos movimentos limitados do kimono...

     

Tento acelerar meus passos para impedi-la, principalmente quando a ouço cantar. Tudo o que penso é: não, essa música não. Ao meu lado, Penélope grita por ela, chamando-a de mãe. Mas nem por ela Alice para. Ao longe, posso ver a floresta escura que vi na mente da prima dela: Kuroi Mori. Não posso aceitar perder Alice para aquele Hypno, de novo não...

Quase alcanço Alice, mas na beira da floresta, eu a perco de vista. Aquele lugar já é tão sombrio a luz do dia, que é impossível ver algo a noite. Ísis, que estava com a mochila de Alice, logo pega a TM Flash e ensina para a Pikachu, que tremendo de medo e muito contrariada, lidera o caminho iluminando tudo.

Suspiro fundo. Você não irá tirá-la de mim Hypno.


off: sai o Play Nice
off2: let's go Kuroi Mori o/
Alice
Alice


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Érica Seg 22 Jun 2015, 23:04

Alice começava a agir de forma estranha, mirando as lanternas como se vesse algo além, deixando seu Pokémon confuso. Quando o Hypno a mirou novamente, percebeu que ela simplesmente saiu andando, sem dizer nada.

A mulher cantava, a música tortuosamente familiar para seu inicial. Nem mesmo o chamado de Penélope parava a religiosa, que adentrava na floresta sombria. O Pokémon psíquico temendo perder sua mestra para o Hypno da floresta novamente, Penélope confusa e sem saber o que estava ocorrendo, mas ficando assustada.

Ísis foi a primeira a agir, pegando o Flash e o ensinando para a Pikachu, que embora contrariada, começava a iluminar o caminho. Todo o grupo rumava para a floresta negra, entrando na escuridão e deixando para trás as luzes e os risos.




Ficou 4 dias em Erobring.
São 8:30 da noite.
Pode criar o tópico na Kuroi Mori.
Érica
Érica


Ir para o topo Ir para baixo

Erobring City: A Porta para o Inferno - Página 5 Empty Re: Erobring City: A Porta para o Inferno

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Ir para o topo Ir para baixo

Página 5 de 5 Anterior  1, 2, 3, 4, 5

Ir para o topo


 
Permissões neste fórum
Você não pode responder aos tópicos