♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Seg 20 Jul 2015, 21:40

Sakura decidia caminhar de volta ao Kazumi Hotel, dividida entre a curiosidade e o receio por descobrir o assunto que Ethan queria lhe falar. Ao seu lado, Serena parecia se sentir melhor, com as chamas de Ezra a aquecendo e Minun a bajulando.

Após uma longa caminhada, o grupo se deparava com a fachada do Kazumi Hotel. Sakura ainda se sentia dolorida, porém sabia que depois de um comprimido e de uma boa noite de sono, estaria melhor. No saguão, Ethan a esperava. Quando a viu, o ruivo simplesmente a mirou e sorriu, um sorriso que não se refletia nos olhos como normalmente acontecia.

- Vamos subir lindinha?

Sakura logo conduzia o grupo até seu quarto. Pela primeira vez eles subiam juntos ao invés de descerem no Kazumi. Ao chegarem no quarto, Ethan alcançou para a morena a caixinha com 10 comprimidos de relaxante muscular e colocou o dedo sobre os lábios, pedindo silêncio. Novamente sério.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Ter 21 Jul 2015, 09:00


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

  A caminhada pedia mais uma vez um táxi. Mas como já havia caminhado um bom percurso, não compensava mais a demora. As dores na coxa eram incríveis, enquanto o peso nas pernas parecia só crescer. Parte da minha coluna também doía um pouco, mas o principal foco eram as pernas. Quando cheguei no Kazumi, Ethan já me esperava e assim o gangster sorriu, só que um pouco estranho.

Subimos. Meu desinteresse em falar era notório. Minun ainda seguia o grupo, enquanto Serena sorria para os quatro cantos no local. Chegando no quarto, Ethan me pediu silêncio. Medo e tensão se misturavam no momento. Qual o motivo daquilo? Peguei um comprimido, abafando e barulho de destaca-lo da cartela e engoli, sem água mesmo.

Depois que o comprimido desceu direto, comecei a pensar coisas do tipo que Ethan se meteu em enrascada, ou eu me meti em enrascada. Uma ou duas vezes tentei falar, mas acabei optando por ficar em silêncio...


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qui 23 Jul 2015, 14:04

Sakura destacava o comprimido, tentando fazer o mínimo de barulho e engolindo-o sem água mesmo. Por sua vez, o gangster ligava a tv em um filme antigo, que toda a população de Shinki já havia visto vezes o suficiente para saber as falas de cor. O ruivo também pegava uma garrafa de água do frigobar e alcançava para Sakura, além de um caderno e  uma caneta. Sakura ficava ainda mais confusa.

- O filme é velho, mas ainda é bom. - Ele dizia se sentando ao lado dela, mas sem olhar para a televisão que tinha o volume um pouco alto demais. Na folha de papel arrancada, no entanto, havia outra coisa escrita. Para não deixar marcas do escrito, Ethan apoiava a folha no verso do caderno fechado.

"Preciso voltar para Chermont ainda hoje. Acharam a mãe da Kate."
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qui 23 Jul 2015, 21:05


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Engolia o remédio e usava a água só para empurrar. Fitava a cama como algo tentador para mim. Minha vontade era simplesmente passar a semana toda ali. Não me importaria se dormisse até tarde, uma vez que eu mal poderia ficar de pé. Na minha mente, as falas do filme que passava na tevê pareciam se formar como se fosse automático. Não era incomum me deparar sussurrando as falas, mas minha atenção se direcionou para o gangster assim que foi possível.

Quando soube o que o ruivo quis falar, não sabia se ficava aliviada por não ser sobre mim, ou mais preocupada por ter relação a Kate e sua mãe. Diante do que li, só poderia ficar pensativo. Não conhecia a história da armagedon, mas sabia que era uma adolescente que se metia em confusão. Olhei um pouco angustiada, mas no fim eu pude apenas respirar fundo e pedir a cama. Só não entendia porque tanto suspense por algo tão... Só se houvesse algum dedo apocalipse ou cadete nessa história...

- Ok.

Respondia. Acho que era a única coisa que poderia passar e então me atirava na cama, sem pedir até. Acredito que ele ia entender o meu estado. Era um boa noite forçado, mas sabia que ele ia ficar bem, afinal, ele ainda era o garoto que pichava no muro da academia em plena luz do dia e ainda saia ileso...

- Boa sorte... – última coisa que eu sussurrava. Algumas vezes, eu preferia não saber das coisas que aconteciam ao meu redor, só para não ficar preocupada. Não estranharia se sonhasse sobre o assunto.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Seg 27 Jul 2015, 17:13

Sem muito a falar, Sakura somente murmurava um ok e um boa sorte antes de se jogar na cama, sem muito interesse em descobrir o que realmente aconteceria. A dor no corpo a fazia desejar a cama com todas as suas forças.

Sentado ao lado da morena que já estava deitada, Ethan somente suspirou, transformando o papel no qual escrevera em uma bolinha de papel. O ruivo desligava a televisão, para que Sakura pudesse dormir melhor. Ele parecia não estar mais preocupado em ser discreto e a morena não poderia imaginar o porquê.

- Um conselho de amigo: fique realmente longe de John. Você não tem ideia do que ele é capaz.

Após a última frase, o ruivo se erguia, preparando-se para partir, sem esclarecer o conselho. Sakura já tentava evitar John, mas sempre com educação. Ethan queria que ela fosse mal educada ao evitar o outro e literalmente corresse ao avistá-lo? No entanto, logo outra questão surgia: John estava em Erobring?
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Ter 28 Jul 2015, 09:08


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Meu sono já me embebecia na cama. Esticava de forma forçada o corpo, para que ele sentisse que agora era hora do descanso. Estava entre o mundo real e o mundo dos sonhos, quando Ethan me alertou sobre John. Meus olhos abriam-se como de forma instintiva. Eu observava o ruivo se preparar para sair, mas não tinha forças para interroga-lo mais. Minha garganta secava e eu só observava o ruivo partir.

John?! Eu sei que ele era um apocalipse e sei que apocalipses são bem “escandalosos”. Sei que são perigosos, mas o fato de seus crimes atingirem e matarem pessoas, continuam criminosos, como os armagedons. Estava no meio de duas gangues e logo eu que sempre achei injusto o sistema e não queria fazer nada.

Não deu outra! Sonhei com Ethan e Kate. Os dois foram presos. John estava atrás de mim e Serena, Ezra e Isaac me abandonaram, tristes. Acordei um pouco assustada. Estava na metade da cama e na outra metade estava Serena, Isaac e Ezra (talvez eles estavam preocupados comigo e resolveram sair da Pokébola). O raposo foi o primeiro a despertar. Um bom dia temeroso saia dos meus lábios. Havia me separado de Ethan. Deveria estar feliz por isso, mas estava preocupada... Ethan havia virado um amigo e eu só tinha percebido agora.

Levantava-me direto para o banheiro. Providenciava a higiene matinal, coloquei um quimono mais comprido e com um tecido mais quente. Serena levantava-se pouco animada. Isaac não levantava, então recolhia para sua esfera. A gramínea já começava a ficar precavida por conta do fire e quando levantei a bolsa, lá estava o Minun.

- Vamos ao museu hoje? – Serena respondia com pouca animação. Para ela, ficar longe de Ezra era o seu maior desejo.

Descemos as escadas e fomos até a ala de café-da-manhã, paguei a diária e fui para o museu da cidade.



Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qua 29 Jul 2015, 15:21

Após um pesadelo desagradável, Sakura despertava mais uma vez. Estranhamente já era um novo dia. O sol já havia nascido mais uma vez e a morena se impressionava com o tempo que acabara dormindo.

Minun, ainda no quarto, estava mais uma vez mexendo no celular de Sakura e o usando para bater fotos de todos. Enquanto lavava o rosto, Sakura lembrava-se de um almoço em Chermont, onde Natasha havia dito que Kate tivera uma infância trágica. A morena começava a ligar os pontos. Ethan havia dito que acharam a mãe de Kate; Kate era um desastre de infância trágica, segundo Natasha; o problema de bebida tinha vários anos, segundo a própria Kate... Apesar das inúmeras peças faltantes nesse quebra-cabeça, Sakura percebia que de alguma forma eles estavam ligados.

De volta ao quarto, enquanto se vestia, a mente da morena ainda seguia divagando. Pela primeira vez Ethan se afastara e não por uma briga ou por pedido dela. Era estranho... Não havia felicidade, mas um tipo de saudades que ela não queria sentir. Ele se afastara, não por uma missão, mas para ajudar uma garota que mal conhecia... E ela, que não gostava do sistema, fazia o que para mudá-lo? O que Kate era? Uma adolescente, sozinha no mundo e precisando de ajuda... Quem era a mãe dela? Uma procurada? Perigosa?

Antes de sair do quarto, onde deixara alguns pertences, Sakura viu sobre a cômoda o remédio e a garrafa de água. Ethan cuidara dela, a sua maneira e mais uma vez antes de partir. Tinha o número dele... Poderia ligar... Poderia ir ajudar... Queria ajudar? O sonho se misturava também aos pensamentos conflitantes. Ela e Serena, perseguidas por John. Isaac e Ezra se afastando, tristes. Seriam Isaac, Kate e Ezra, Ethan, em seu sonho? Uma representação para eles? Ou seria o medo de seus Pokémons a abandonarem? Olhando para o lado, a morena via Ezra ainda a mirando, claramente preocupado.

Após o café da manhã, o grupo pegava um táxi e partia para o museu, a fim de passear um pouco. A mente ainda girava longe. A dor no corpo havia se reduzido a praticamente nada se comparada ao dia anterior, mas, por precaução, tomou mais um comprimido antes de sair.

Durante a viagem, sua mente se voltava para John. Sabia que ele era Apocalipse, sabia que ele era perigoso e que deveria evitar contato com essa gangue. No entanto, por que Ethan a advertira para evitá-lo ainda mais? O que ele sabia e não havia lhe contado? John alegava que ambos eram noivos, então ele não estaria conspirando contra ela, ou estaria? O que ele ganharia com isso?

Dentro do museu, o trio (acompanhados pelo Minun viciado em celular que ainda o usava para bater fotos de tudo o que via) visitava obras de arte, pinturas retratando cenas da guerra, mega stones diversas e, os três grande astros do Museu: a Blue Orb, a Red Orb e um Plate de Arceus, todos originais e amplamente guardados. Os pokémons faziam pose para Minun, claramente se divertindo. Sakura queria se divertir também, mas sua mente seguia girando por tantas dúvidas e informações que a morena tinha dificuldades em se concentrar no que via a sua frente.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qua 29 Jul 2015, 15:54


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

A minha cabeça ainda girava diante de tantas coisas. Era a mãe de Kate. Era Ethan. O sentimento de inutilidade. Pensei em voltar para Chermont naquele exato momento. Talvez se tivesse mais perto dos acontecimentos poderia me sentir mais tranquila, mas não teria como ajudar. Segurava em minhas mãos. John... Ainda tinha o apocalipse que jurava que era meu noivo. Deveria ter cortado ele direito desde o colégio...

Balançava a minha cabeça sempre, tentando esquecer os problemas dos outros, mas parecia que uma vozinha no meu interior sempre dizia: vá para Chermont. Poderia ir para Grung e fica longe das confusões. Poderia ser médica! Mas a vozinha crescia. A Sakura interior queria espaço... Os Pokémons estavam animados. Eles pareciam que estavam se divertindo. O Minun que tirava fotos estava fazendo a alegria do trio inicial. Serena e Ezra até deram uma trégua e Isaac saia da Pokébola para ajuda-los a brincar.

Até ficar de frente da placa de Arceus não me fez parar de pensar, apesar de achar extraordinário a placa. Passei por mais alguns quadros, esculturas de Pokémons extintos pós guerra e extintos há anos. No fim, apenas vendia a Garchompite para o museu e saia.

- Vamos pessoal. – chamava o quarteto.

Serena era a primeira a notar que não estava muito bem e não era dor no corpo. Issac seguiu atrás, enquanto Ezra brincava com Minun, possivelmente achando que eu ainda estava com dor.

- Vocês dois podem ficar tranquilos. Vai ficar tudo bem! Quer saber! Vou fazer um curso de desenho, quem sabe eu não esclareça a mente?

Tentando acalmar Serena e Isaac, eu ia para a livraria para poder aprender os 5 níveis de desenho e aproveitar e aprender 5 níveis de libras. Assim ocuparia a cabeça e se mesmo assim voltar a pensar no assunto... Bem! Iria vê o que fazer...


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qua 05 Ago 2015, 00:46

Após acalmar seus Pokémons, Sakura seguia se afastando do museu onde vendera uma das mega stones e rumava em direção à biblioteca. Curso de desenho e de libras certamente a ajudaria a liberar a mente e afastar um pouco os conflitantes pensamentos sobre Ethan, Kate e John. A técnica realmente funcionou e por diversas horas a Stylist se divertiu aprendendo a linguagem dos sinais e desenhando seus Pokémons nas mais diversas poses.

Quando já havia passado e muito do horário do almoço, as barrigas protestaram, mas Sakura se sentia feliz. O caderno de desenhos que usara para aprender as técnicas possuía esboços horrorosos nas primeiras páginas e ótimas imagens feitas somente com grafite de seus monstrinhos nas últimas.

Nas ruas, Sakura parava uns instantes para guardar o caderno e esse poderia ter sido seu maior erro... Minun ainda acompanhava o grupo, brincando com Ezra e com o celular da morena, batendo inúmeras fotos do raposo que adorava fazer pose e se exibir para a câmera. O fotógrafo encontrou seu eterno modelo... O celular certamente seria dominado por imagens do fire...

- Sakura!

A voz de John fez um arrepio cruzar a espinha da morena, ainda mais se somada ao aviso de Ethan, e ela se viu desejando fugir imediatamente. Contudo, ao virar para trás, a Amanhecer percebeu que o loiro estava acompanhado de outro homem de mais idade. Ela reconhecia a face séria, porém não conseguia se lembrar de onde.

- Senhorita Mille, é um prazer em fim conhece-la. - Ele dizia, beijando-lhe a mão em um ato de respeito antigo que só se via em livros e filmes. - Por mais que não veja seus pais há muitos anos, posso facilmente reconhecer a beleza de sua mãe em seus traços. Como seu pai está? Pelo que leio nos jornais os negócios tem prosperado e muito. Seu evidente sucesso é uma alegria. - Ele complementava em uma voz educada e soltando a mão da morena.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qua 05 Ago 2015, 08:53


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

A manhã foi bem divertida. A língua de sinais era mais difícil, já o desenho, era relaxante. Embora começasse com alguns garranchos nunca mais vistos na vida, agora estava desenhando até que bem. A técnica que aprendia era uma observação atrás de observação. Logo o meu caderno estava repleto de Chikoritas, Braixens, Delcattys e Minuns. O grupo seguia comigo. Serena protestava por ter sido a primeira a ser desenhada e consequentemente ter saído muito ruim. Ezra aproveitava-se disso para poder provoca-la.

Depois de uma manhã (e parte da tarde) perdida entre os cursos, deixava o local, indo em direção ao centro, procurar algum lugar para almoçar. Caminhava feliz.... Parecia que não tinha problemas. Sorria da memória do celular que enchia devido as diversas fotos que Minun tirava de Ezra. Eu deixei, depois era só apagar. Tudo estava indo bem, até que a voz de John invadia os meus ouvidos e trazia todos os problemas de volta.

John estava acompanhado de um senhor de mais idade. Aquilo não diminuía a tensão. Eu até pensei que era mais um apocalipse, mas já tinha visto o senhor em algum lugar, mas não me lembrava de onde. Respirei, mantive a calma, até porque ele me tratava muito bem.

- Boa tarde. Meu pai vai muito bem e os negócios tem prosperado muito... Mas, desculpe-me a indelicadeza... O senhor me é familiar, mas não consigo me lembrar de onde o conheço. – dizia para ele, um pouco envergonhada.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Dom 09 Ago 2015, 13:32

- Não precisa se desculpar minha pequena. A indelicadeza foi minha por não ter me apresentado primeiro.

O senhor de idade era diferente, porém ele parecia ser capaz de transmitir calma para a jovem Stylist e, na presença de John, calma era o que ela mais desejava. No fundo de sua mente o aviso de Ethan apitava como uma sirene e as sensações boas do curso de libras e de desenho pareciam muito distantes.

- Meu nome é Arthur Havelle. - Ele finalmente se apresentava.

Perante o sobrenome, muitas memórias atingiam Sakura ao mesmo tempo, desde os jantares beneficentes que às vezes acompanhava seu pai, onde vários comentavam da indelicadeza de Arthur Havelle por mais uma vez não ter comparecido, passando pelas colunas que comentavam sobre outra família do mundo dos negócios e pela competidora do torneio dos cinquenta anos. Muitos pensamentos conflitantes.

- Acredito que tenhamos muito para conversar e se John aceitar esperar um pouco por nossa reunião, adoraria convidá-los para um chá em minha casa.

Sakura rezava para que John falasse que não poderia esperar por ter um compromisso (possivelmente apocalíptico) inadiável para mais tarde. Infelizmente o loiro disse que por ele não haveria nenhum problema e a morena se viu frente a frente, com o senhor lhe convidando para um chá.

Minun parecia o mais ansioso por aceitar, dando pequenos tapinhas na barriga para mostrar que estava com fome. Isaac parecia tentar se fazer de sério e nobre, porém era frustrado pela barriga que resolvia roncar em um horário muito inadequado. Com o pouco sol, atém mesmo Serena precisava de um pouco de ração.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Seg 10 Ago 2015, 09:43

A presença de John ali era um pouco conflitante. Se de um lado o senhor demonstrava muita tranquilidade, por outro, estar acompanhado por John não era um bom sinal. Perante o problema eminente, lembrava-me da família Havelle, que era uma rica família do mundo dos negócios, mas também era o sobrenome da vencedora do torneio do Zuzu, a menina que me deixava sempre pensativa...

Perante o convite, Minun e Isaac não puderam deixar passar a fome dele. Serena batia na minha perna com sua patinha, dizendo que hoje não era um bom dia para fotossíntese. Sabia que o senhor Havelle era amigo de papai, mas isso não significava que precisava ser meu também. No entanto, entendia que talvez o senhor Mille gostaria que eu conhecesse os seus amigos desse ramo, uma vez que, querendo ou não, um dia seriam os meus amigos.

- Pode ser... Lembro-me muito da família do senhor. Papai gostaria de saber que o conheci pessoalmente. – dizia, ocultando a parte de ter visto Alice Havelle no torneio uma vez, além do meu desconforto perante o apocalipse.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Dom 16 Ago 2015, 01:09

Arthur parecia ser um senhor com quem se podia conversar facilmente. Por um instante ele parecia o tipo de homem que possuía a mente aberta, aceitando pensamentos diversos ao seu com educação e com seu eterno sorriso no rosto. Analisando-o melhor, Sakura percebia que ele não deveria ser muito mais velho que seu próprio pai.

Caminharam até a casa que não ficava muito longe. Sakura estranhou no primeiro momento a casa em estilo tradicional de somente um andar, ainda mais considerando o que sabia da família. Diversas paredes pareciam ser feitas de papel arroz, com paisagens pintadas encantadoras.

- Acho que seu pai ficaria mais preocupado do que feliz minha criança. - Arthur começava a dizer, preocupando Sakura, enquanto a conduzia por portas e paredes delicadas, até uma sala com vista para um jardim privado. O pequeno jardim era agradável, com uma cerejeira japonesa e um pequeno laguinho com cascata, mas a Stylist não conseguia admirá-lo, preocupada com as palavras do senhor Havelle. - Afinal de contas, antes do acidente de minha filha, eu bem que tentei convencer seu pai a casá-la com meu sobrinho a fim de unir as famílias.

- Foi muito sensato do senhor Mille não aceitar o arranjo. - John dizia, tentando soar educado, mas claramente desaprovando as ideias do senhor Havelle.

- Compreenda John, na época seu pai ainda não era sócio do Mille e a pequena Sakura era uma criança. Caso o senhor Mille tivesse aceito, uniríamos os Havelle, os Mille e os Kuzuki pelo matrimônio mais ou menos na mesma época. Uma única família com três vezes a força. Mas com sua entrada e com a recente compra das ações pelo senhor Durval, começo a perceber que tenho poucos sobrinhos e está um pouco tarde para convencer meus irmãos a me terem mais herdeiros... No entanto minha sobrinha Susana ainda não está comprometida.

Sakura se via muda por alguns instantes, tentando associar tudo o que estava ouvindo. Serena estava petrificada, ouvindo as histórias de casamentos arranjados que foram planejados e cogitados há alguns bons anos. A Amanhecer e sua Pokémon mal percebiam a empregada que chegava, deixando xícaras de chá e biscoitos para todos, partindo em silêncio igual ao de quando entrara. Minun parecia não se abalar, logo pegando um dos biscoitos integrais e mergulhando no chá, antes de mordê-lo.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qua 19 Ago 2015, 10:18


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Conhecer o senhor Havelle parecia uma situação de negócios, mas logo fiquei pensativa e não posso negar que fiquei com medo também. A afirmação do senhor de idade me fez temer aceitar o convite. John ainda estava conosco e aquilo me deixava mais nervosa. Logo, toda calmaria que tinha ao lado do senhor se ia. Em quê eu estava me metendo?

Eu olhei para os lados e cada revelação me fazia querer sair dali o mais depressa possível. Por um momento acreditei que estava em um sonho, se não fosse pela dor na panturrilha, herança dos diversos cursos de dança do dia anterior. Engolia em seco algumas vezes, tentando não ser pega na preocupação. Serena não escondia com tanta facilidade, enquanto Minun nem se importava. A aparição do nome Durval ali fez a minha cabeça me dá um nó.

Recapitulando: os Havelles, que eram uma família tradicional – e não era só pelo belo jardim ou casa oriental – costumavam casar famílias ricas a fim de obter mais poder. Recentemente, Ethan, aparentemente, comprou ações de empresas e é alvo de mais um casamento. Eu, como filha única e herdeira, estava sendo alvo de mais um casamento. Olhava de John para Serena, que pedia para não estar ali, enquanto Minun se deliciava nos biscoitos como se não houvesse amanhã;

- Desculpe, senhor Havelle... Mas por que o senhor queria conversar comigo mesmo? Não me diga que está pensando em manter a proposta para um casamento a fim de unir famílias... – queria que a resposta fosse negativa, mas sabia, no fundo, que seria bem diferente.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qua 26 Ago 2015, 12:07

O sorriso que o senhor Havelle deu à Sakura poderia ser comparado ao de seu avô: doce, gentil e amistoso; porém naquele momento só servira para deixar a morena mais preocupada. Aquele sorriso era tudo o que precisava para saber que a resposta não era a desejada.

- Não pode condenar um velho homem por ser persistente, minha criança. - Ele respondia.

Aquele era um homem difícil de entender. Sorria como alguém muito mais velho, agia como se fosse um vovô de confiança, tinha mais ou menos a mesma idade que seu pai, ou seja, não era tão velho assim, mas tinha o pensamento mais retrógado que já vira, talvez até mais que John.

- Veja bem. - Ele seguia com um caderno e uma caneta, fazendo um rascunho de um gráfico ou árvore genealógica (caso ele conseguisse todos aqueles casamentos). - Minha filha casa com o Kuzuki, isso já é garantido. Minha esposa está vendo já os arranjos para o casamento. Assim que o noivo dela a achar e trouxer para a casa, tudo deverá fluir com a maior rapidez socialmente aceitável. Com um noivado de quase 20 anos, casar em um mês estará ótimo, ainda mais se fazem 2 anos que ela acordou do coma. Ninguém irá comentar nada.

Sakura ouvia tudo sem querer ouvir. O olhar arregalado e acompanhando os riscos no caderno onde se lia o nome de Alice e de Souichirou. O problema começou quando ao lado do nome desse "casal" surgiu o seu.

- Se você aceitar, já que é uma mulher adulta - e Sakura se lembrou que há alguns segundos ele a chamara de criança - e capaz de tomar suas próprias decisões, casará com meu sobrinho. Ele é um jovem com muita vida, inteligente e encantador. O tipo que mocinhas como você sonhariam.

E lá estava. Firme. Preto no branco. Sakura - Marcelo. Enquanto Sakura tentava assimilar, o senhor Havelle logo chamava uma empregada e pedia para que ela chamasse seu sobrinho, a fim de apresenta-lo a sua possível futura noiva.

- Agora o problema é que só tenho a minha sobrinha Susana e preciso pensar... Há o Durval e há John... Um dos dois certamente desposará a Su. Para o outro, encontraremos uma garota de boa família e uniremos as famílias com as gerações seguintes. Podemos até já deixar pré-agendado o meu primeiro neto ou neta para o casamento...

Enquanto ele falava, Sakura pensava em como fugir da situação sem ofender à família Havelle. Uma briga entre duas famílias de nome poderia ser prejudicial para o negócio de ambas e manter uma certa amizade era saudável, mesmo quando o Arthur não colaborava nenhum pouco.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qua 26 Ago 2015, 16:26


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

A resposta não era outra. O sr. de idade queria mesmo que eu me casasse com o sobrinho dele, assim como Alice estava prometida para outro. Alice, do jeito que eu conhecia, lembrava-me muito de uma viúva-negra, mas não era de julgar as pessoas... Até porque, o problema ali era eu. Apesar do dito Marcelo fosse o garoto que todas as garotas gostariam de casar, ainda assim não funcionava daquela forma comigo.

Eu engolia em seco, meus olhos esbugalhavam-se, esperava que John desse “mimimi”, mas nada. Como eu queria que John revoltasse ali e saísse explodindo tudo e eu fugisse no meio da confusão! Parte de mim deseja isso, pelo menos. Enquanto isso, olhava os dados de novo do gráfico super planejado de Arthur e Serena já não estava mais em si. Isaac consolava a gramínea, enquanto Ezra alisava o pelo para que Minun tirasse fotos dela mais tarde. Eu estava aflita e para disfarçar tomava o chá-quente rapidamente, tentando aliviar o medo.

A empregada era chamada para poder chamar o garoto. Eu fechava os olhos pedindo para que surgisse um Abra do nada e me levasse para longe dali. Mesmo assim, tais opções eram quase impossíveis de ocorrerem e acabaria me dando nos nervos. O jeito era achar uma desculpa sem magoar a família.

- Sr. Havelle... Acho que não deveríamos ser tão apressados... Respeito a tradição do sr, mas não sei se ela se adequa muito ao meu estilo de vida. – o sr. Havelle era uma boa pessoa, mas vivia ainda uma cultura que eu não gostava muito, respeitava, mas não iria aderir muito cedo. Nunca vi Marcelo na vida e como não acreditava muito em paixão à primeira vista, achava difícil gostar dele logo de antemão. Já me levantava pronta para me despedir.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qui 03 Set 2015, 15:01

Sakura falava habilmente e se erguia na esperança de ir embora e de fugir daquele cenário antiquado e estranho. John não parecia colaborar, não deixando nenhum pouco do seu lado apocalipse a mostra, cabendo à morena fazer tudo por conta.

O senhor Havelle nem ao menos se erguia para dar indícios que entendia a vontade de Sakura de se retirar. Sendo ele um homem da cultura antiga, ela sabia que quando ela fosse embora, ele a acompanharia até a porta. O fato dele não se levantar, então, era um sinal de que ele não a estava autorizando a ir embora ou de que ele achava que ela não estava falando sério?

Com dois passos rápidos até a porta e se despedindo de todos, Sakura se virou na hora em que a porta se abria e um rapaz de longos cabelos azuis entrava, esbarrando nela e a segurando antes de cair, com firmeza e delicadeza.

- Hey, Marcelo, acho que sua noiva resolveu fugir antes de te conhecer. Essa é esperta!
- Como é?

Um segundo homem entrava, igualmente com cabelos longos e azuis. Semelhanças e diferenças giravam em torno da dupla, indicando que possivelmente eram irmãos e o segundo a entrar era o Marcelo. O mesmo nome que pairava ao lado do seu naquele papel...

O primeiro, aparentemente o mais novo, vestia uma camisa de manga curta colorida, típica de se usar em praias e não em uma casa quase histórica. A parte de cima do cabelo era curta, porém atrás ele possuía uma parte longa e presa em um rabo de cavalo baixo. Em pouco tempo um cigarro era levado até a sua boca, para ser arrancado por uma das empregadas antes que ele pudesse acender.

- Já falei para largar esse vício. - Dizia Athur, claramente desaprovando o comportamento do sobrinho mais novo.

- Enquanto eles brigam, deixe-me eu me apresentar, minha bela dama. - O mais velho, certamente o Marcelo, dizia. Em um ato antigo pegava a mão de Sakura e beijava a palma, em vez da parte de trás como normalmente se faz. Ele vestia um kimono e carregava o que parecia ser uma espada a tiracolo. O kimono estava colocado somente em um dos braços, deixando o que carregava a suposta arma a mostra.

- Vista-se direito Marcelo! E trate essa jovem com respeito, ela possivelmente será uma Havelle no futuro! E largue esse brinquedo! Você já é um homem, não devia se portar feito um garoto! - Arthur já brigava com o outro sobrinho e Marcelo protestava, colocando a segunda manga do kimono e deixando a "espada" cair no chão. O som que ela fez demonstrava ser puro plástico, mas bem trabalhado e a fazendo parecer de verdade.

Enquanto Marcelo se revelava nada mais que um jovem que gostava de provocar o tio, Sakura se via arrastava de volta à mesa. Arthur comentava sobre os "casamentos por amor" e sobre como eles terminavam rapidamente. Bastava a paixão acabar (e ela sempre acabava) para o casamento ruir. Um casamento por negócios era muito mais duradouro, baseado em desejos em comum e benefícios para ambos. Com a convivência, uma amizade sólida surgia e o casamento tenderia a ser um sucesso.

John seguia quieto, aparentemente ignorando tudo aquilo. Sakura refletia sobre seus "noivados". Havia John, que não a defendia de contrair um novo noivado. Havia Ethan (era de mentirinha, em uma apresentação, mas Ethan não seria Ethan se não a provocasse com isso no futuro). E agora havia Marcelo...

- Senhor Havelle, creio que saiba de meu noivado com Sakura. - John dizia, pela primeira vez se manifestando.

- John, como homem de negócios, sei que consegue ver mais vantagens em um casamento seu com a minha sobrinha Susana e de Sakura com Marcelo. Você estaria entrando em duas famílias grandes ao mesmo tempo... E então eu só precisarei pensar em uma esposa para o Durval...

E Sakura viu um brilho reluzir naquele olhar. A ambição dele falava mais alto, porém havia algo de perigoso. Como se ele estivesse considerando algo maior do que somente sua futura esposa (como se isso fosse algo pequeno...).

- Tio, não está se esquecendo de nossa irmãzinha? A Camila? Ela só tem 10 anos, mas a Ali tinha menos quando noivou... E se o Durval não for muito mais velho que nós, a mamãe pode aceitar numa boa.

- Vou confirmar a idade dele. E obrigado pela sua ajuda Gustavo.

- Então, Saki-chan, você é Stylist ou Gladiadora? - Marcelo perguntava, puxando conversa com a morena. Uma amizade sólida? Era isso que Arthur havia dito?
Marcelo
Gus
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Sex 04 Set 2015, 09:57


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

 A tentativa de fuga havia sido frustrada. Isaac já arrastava Serena pela casa, que não se moveu desde os últimos acontecimentos, enquanto Minun comia mais biscoitos com Ezra. O rapaz alto que entrava na sala me segurava após ter me esbarrado nele. Um “desculpe-me” abafado saia até que eu analisasse os dois que entravam. Eram claramente parentes e via que o mais velho era o Marcelo que Artur falava. O mais novo parecia mais rebelde e tinha pena dela por estar em uma família tão tradicional.

Eu abria a boca um pouco confusa e entre conversas até John resolvia se manifesta, com aquela ideia doida de noiva, sendo que nem anel de noivado tínhamos. Mas os planos do patriarca Havelle eram maiores e mais lucrativos. Certamente seria vantajoso se John casasse com Susana, eu com Marcelo e Ethan com outra. Eu fiquei espantado ao perceber que Alice havia sido prometida em noivado bem cedo. Talvez fosse por isso que ficou um pouco perturbada...

Depois de ser arrastada de volta para a sala, onde Serena já não conseguia respirar direito e Isaac começava a fazer massagem cardíaca na grass, eu percebia o interesse de Marcelo em conseguir a minha atenção. Ele parecia um cavalheiro e era até atraente, no entanto, só de pensar que era um casamento arranjado me deixava bem recuada em prosseguir com qualquer relação. Odiava ser forçada a fazer as coisas.

- Stylist... Me tornei não tem um mês...

A resposta era direta, eu me abaixava. Seria falta de educação sair com novas pessoas para conversar. Infelizmente eu queria levantar e falar “e o John é apocalipse nas horas vagas. Explode tudo o que vê!”, mas não era o conveniente no momento. Serena reagia subindo no meu colo, falando com seus olhos que era melhor irmos embora logo, mas o meu olhar de volta dizia claramente que não tinha escolha, e também, não custava nada dá um pouco de atenção, quando o casamento só acontece após assinar os papéis... Mas acabava cogitando conhecer melhor Marcelo... Quem sabe...

- E você? Pensa em pegar licença para alguma área? – tentava agradar o anfitrião.

Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qua 09 Set 2015, 23:37

Sakura tentava ser educada e atenciosa, engolindo um pouco a vontade de sair correndo ou de entregar John para os anfitriões. Marcelo também ganhava a chance de mostrar um pouco quem era para a Stylist. Já Serena parecia em desespero ainda maior ao ter sua vontade de fuga negada.

- Licença? Não é comigo isso... Ano que vem devo encerrar o curso de administração e iniciar alguma pós em gestão... Com os problemas de saúde que a Ali-chan teve, mais o envolvimento que ela vai ter com a empresa dos Kuzukis e mais provavelmente filhos, o tio acha melhor que eu assuma a presidência da nossa empresa, pelo menos informalmente. Então tenho muito pra estudar ainda...

Sakura ouvia o relato tentando ignorar a conversa de fundo onde o nome de Ethan e de Camila giravam. A morena não sabia se sentia mais pena da criança de 10 anos que estava a um passo de contrair um noivado ou do ruivo que não tinha a chance de escapar da armadilha que tramavam. Casamento arranjado parecia ser tanto o perfil dele quanto o dela própria.

- Mas admiro quem larga tudo para viver essas aventuras. O que você já viu nessas viagens? É um longo caminho entre Nyender e Erobring seguindo a rota tradicional...
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qui 10 Set 2015, 08:54


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

 Bom, pelo menos o sobrinho Havelle não era de todo um ignorante. Ele tinha um grande desejo de seguir os negócios da família e já tinha planos para poder assumir, indiretamente, os negócios. Eu olhava para os lados e percebia que tudo era estranho, até o fato de Ethan se prometido para uma garota de dez anos. Serena estava no colo, tentando voltar ao estado normal, uma vez que ela estava desesperada para sair dali, preocupada comigo. Mas a conversa até que me agradava.

Marcelo era diferente de John e Ethan. Ele era respeitador, nenhuma vez provou sua obceção por superioridade masculina, nem ao menos falou sobre ser contra a minha carreira e nem me tratava como se fosse uma coisa inocente e que precisava de proteção. Não poderia negar que aquilo me agradava.

- Sério?! – dizia maravilhada pelo curso, ou pelo menos era a intenção a passar – Bem, foram muitas coisas, mas nada muito sério – tirando o fato que eu conheci e viajo com um gangster, que já matou duas pessoas na minha frente, enfrentei uma louca que queria matar tudo o que vê, um caçador de aves selvagens que traficava, estive no meio do atentado de Chermont, acobertei uma boa quantidade de armagedons, menti para cadetes, pensei comigo – As rotas são um pouco cansativas, mas eu aprendi muito nelas. Serena- dizia apotando para a pequena – é a minha parceira e primeira Pokémon que consegui, na academia. Isaac foi o próximo. Capturei enquanto era um Skitty – o gato mostrava a sua elegancia e beleza em uma postura – Ezra veio depois, em uma troca em Jorvett. É muito vaidoso. – comentava – e esse pequeno acabei de encontrar no meio das ruas, mas nem capturei. –afirmei para ele mostrando Minun – Então você é bem estudioso, não é? Meu pai queria que eu fizesse um curso de gestão de empresas, pelo menos, a fim de ajudá-lo, mas, contrariando as perspectivas da família e sendo a ovelha negra, decidi sair e recentemente optei por seguir a área da medicina. – brincava.


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Ayzen em Sab 07 Nov 2015, 21:25

Bloqueada devido a crise.

Para desbloqueio clique aqui
Ayzen
Ayzen


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Dom 03 Abr 2016, 15:00

Rota Desbloqueada
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Dom 03 Abr 2016, 20:23

off: voltando ;D


- Aposto que foi bem mais divertido do que parece.

Marcelo seguia conversando, demonstrando certo charme ao falar e instigando Sakura a contar cada vez mais sobre sua jornada e sobre os Pokémons já capturados. A Stylist se via cada vez mais envolvida, o que não agradava em nada Jonh, que se sentia ameaçado. Mesmo não amando a morena, ser substituído era uma afronta para o Apocalipse.

- Senhor Havelle, fico honrado com sua proposta, mas deve concordar comigo que um homem nos negócios deve ter sua palavra. Não posso romper meu noivado com Sakura por simplesmente surgir uma oportunidade financeiramente melhor.

- Concordo com você Jonh, mas tudo pode ser conversado. O noivado de vocês ainda não foi oficializado na mídia, então não é um rompimento propriamente dito...

- Eu sei, mas eu e o pai dela temos mantido contato e isso prevalece a mera publicização do noivado.

A atenção de Sakura de repente se via completamente capturada por Jonh a simples de menção de seu pai. Seria verdade ou só mais uma manobra do Gangster para ter o que deseja? Ele acredita que casando-se com ela ele teria domínio sobre a empresa de seu, enquanto entrando para o plano de Arthur a família Havelle manteria maior poder. No entanto, ele mentiria sobre isso?

- Bem, enquanto eles debatem esses pormenores, não quer ver minhas coleções? - Marcelo sugeria para afastar Sakura do clima não muito agradável que surgia entre os outros dois. - Tenho coleção de selos, tampinhas, videogames e revistinhas. Qual delas você gostaria mais de ver?
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Sakura Mille em Qui 07 Abr 2016, 09:05


♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

  Era engraçado como minha vida parecia ser controlada pelos homens que nela passava. Meu pai, John, Ethan... Todos, diretamente ou indiretamente, contribuíam para que de algum modo as minhas decisões fossem roubadas diante de meus olhos. Não conseguia pensar direito, mas saber que meu pai e John continuam com uma relação de negócios (e saber que John é um gangster apocalipse) não me agradava muito. Além disso, seria essa revelação verdade? Meu coração só pesava ao pensar.

Em contrapartida, Marcelo parecia ser bem mais agradável do que seu pai e o meu ex-colega. Agora, eu só pensava em quão legal poderia ser ele, preocupando-se comigo e querendo me afastar das coisas e do clima ruim que acontecia naquele cômodo. Parecia que o filho do dono da casa não era tão comercial quanto o pai, ou só estava tentando me impressionar.

- De selos? Adoraria... – dizia sorrindo levemente e passando uma mexa do meu cabelo para trás da orelha, enquanto olhava com um sorriso sem-graça para Marcelo. Serena me seguia de perto, enquanto os outros vinham atrás. Acompanhando o rapaz, observava que recebia uma mensagem no celular. Um evento parecia estar perto para acontecer e em Chermont... Não pensava em voltar para a cidade tão cedo, mas pelo menos agora eu sabia que tinha algo que me interessava: arqueologia.

Serena percebia a minha animação nos meus olhos. Eu me interessava muito nesses eventos e queria participar. Por que não perguntar?

- Você está sabendo de algum evento arqueológico em Chermont? Parece ser algo bem atrativo... – dizia, referindo-me na possibilidade de encontrar um fóssil de algum Pokémon extinto (Pokémons extintos era o que não faltava).


Sakura Mille
Sakura Mille


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Alice em Qui 07 Abr 2016, 23:58

Sakura se sentia ainda mais frustrada ao ouvir que seu pai também controlava sua vida, lhe tirando o direito de escolha. Contudo aquilo poderia ser mais uma mentira de Apocalipse, já que os criminosos não eram conhecidos por serem os mais honestos da história... No entanto a morena optava por não ficar e descobrir, achando melhor seguir Marcelo para fora do clima desagradável.

Marcelo mirava Sakura ao ouvir falar da expedição, mas parecia não compartilhar da empolgação. Revelava achar interessante, mas preferia ver as descobertas quando estivessem expostas no museu.

Em pouco tempo a dupla e os Pokémon chegavam em um quarto repleto de estantes e prateleiras. Sakura reparava que era o "escritório" de Marcelo, onde ele guardava suas coleções e bens preciosos, como uma katana genuína muito mais antiga que a grande guerra. A arma estava oculta por trás de um vidro e ao lado um cartão informava que ela era de épocas medievais, antes mesmo da criação de cidades e Estado. A lâmina enferrujada não escondia sua idade.

Pouco antes de Marcelo a chamar com uma pasta de tamanho mais que considerável e repleta de selos, o celular apitava mais uma mensagem de celular. O número de Ethan brilhando na identificação e o símbolo do envelope fechado.
Alice
Alice


Voltar ao Topo Ir em baixo

♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida! - Página 3 Empty Re: ♥ Abrindo alás no festival: uma noite divertida!

Mensagem por Conteúdo patrocinado


Conteúdo patrocinado


Voltar ao Topo Ir em baixo

Página 3 de 4 Anterior  1, 2, 3, 4  Seguinte

Voltar ao Topo


 
Permissão deste fórum:
Você não pode responder aos tópicos neste fórum